MALTA

MALTA

sábado, 30 de julho de 2011

Amy Winehouse - Rehab (legendado)





Como se chega a isto?

Como se chega à morte?

Como é possível?

56 comentários:

  1. Depois da primeira queda nunca mais se levantam e continuam caindo cada dia mais e mais.
    Quando os traficantes sonham dinheiro começam a perseguir também cada vez mais

    ResponderEliminar
  2. Concordo. Só não consigo perceber como é que algumas destas pessoas ( caso de Amy) se recusam a tentar sair do inferno em que estão envolvidas.

    Saudações

    ResponderEliminar
  3. ...se eu não fosse espiritualista
    acreditaria no abandono de Deus
    para com seus filhos.

    mas...

    bem sabemos das fraquezas
    da alma humana, e porisso
    tantos sucumbem vítimas
    destas fraquezas.

    bjs, minha querida!


    obrigada pelos carinhos...

    ResponderEliminar
  4. Deus nunca nos abandona ...

    Nós por causa dessa fraqueza que menciona é que usamos mal o livre arbítrio que temos.

    Bem haja!

    ResponderEliminar
  5. Tinha que acontecer...
    São a temperatura na Escocia em Julho ronda os 20 graus, ideal para caminhadas em busca dos lagos e lindos passeios de montanha. Agora tem havido sol todos os dias por isso recomendo, por mim é a terceira vez que venho e não me arrependo...o sol aparece...embora...
    Bjs

    ResponderEliminar
  6. E já foi ao LOch Ness?

    Andar , eu até gosto...mas como o tempo não é seguro, evito. Na Irlanda,foi um desastre.

    Quanto a Amy, a morte não foi surpreendente. Mas é pena que as pessoas tenham tudo e desperdicem assim o dom da vida, não é?

    Um excelente domigo ...e bem acompanhada, rrss

    ResponderEliminar
  7. A AW é a mais recente entrada na galeria das mortes aos 27 anos.

    «Live hard, die soon!»

    Eu afligia-me imenso vê-la cambalear no palco, inexoravelmente incapaz de cantar um refrão, quanto mais um repertório.
    Questionei-me vezes sem conta como era possível ela assinar contratos.

    Bjs, São

    ResponderEliminar
  8. Minha querida amiga.

    Quanta tristeza eu sinto..Já perdi tantas pessoas queridas desta forma...Uma sensibilidade de forma pontiaguda que um dia os ferem mortalmente e ainda deixam marcas nos que os amam.

    Beijos com carinho, São

    ResponderEliminar
  9. Viva, GATO!

    A lista é enorme, se juntarmos quem acabou por morrer ainda bem novo...como Elvis, por exemplo, ou Michael Jackson.


    Também nunca entendi como a contratavam, sinceramente!

    Boa semana.

    ResponderEliminar
  10. Querida Sarinha, o meu abraço amigo por essas perdas.

    A depedência (seja relativamente ao que for) é uma látima.

    Bem haja, minha amiga.

    ResponderEliminar
  11. olá São.

    penso que nem os que estão vivendo tal, conseguem responder.

    beijo e kandandos... inté!

    ResponderEliminar
  12. É realmente incompreensível um fato assim, SÂO! E muito, muito lamentável... Tanto talento e a vida jogada fora...
    Abraço da
    Zélia

    ResponderEliminar
  13. E isso é lastimável, acho eu.

    Tudo de bom, GUMA

    ResponderEliminar
  14. Bem vinda, ZÉLIA

    Concordo de todo: uma pena que pessoas com todas as oportunidades ao seu dispor acabem por as desperdiçar.

    Um abraço

    ResponderEliminar
  15. E sobre esta situação, dizes nada?!
    Fica bem, HERÉTICO

    ResponderEliminar
  16. Sim, em todos os sentidos!

    Uma feliz semana para vós

    ResponderEliminar
  17. Chegando, amiga São.

    Há quem faça tudo para viver e há quem se auto-destrua.
    Lamento muito o sucedido, mas era previsível.

    Por aqui, ainda tudo azul. Menos quente, mas lindo.

    Beijinho

    ResponderEliminar
  18. Sim, inesperado não foi, de todo. Mas é uma tristeza que alguém se destrua desta meneira gratuita.

    Umas férias repousantes lhe desejo, amiga...e fico esperando as fotos, rrss

    ResponderEliminar
  19. Chega-se de degrau em degrau...uns sobem e outros descem e como por vezes é rápida a descida!
    É doloroso e difícil de aceitar, mas só em nós reside a força para resistir.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  20. Sem dúvida, ninguém nos pode salvar se assim o não quisermos.

    Mas dói, principalmente quaNdo se trabalha com jovens e se é mãe, ver uma pessoa com tudo na vida não aproveitar nada do bom que possui...enquanto outras pessoas conseguem subir a pulso contra circunstâncias bem adversas...ou ficarem pelo caminho por total falta de oportunidades!


    Feliz semana

    ResponderEliminar
  21. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  22. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  23. Olá,
    vim retribuir a tua visita que muito me agradou.
    Não posso deixar de comentar que adoro Amy Winehouse, para mim uma das melhores cantoras dos últimos tempos.
    Gostei muito do seu blog e das suas postagens, volto para ler um pouco mais.
    Quanto ao seu comentário sobre a música, deixo-te o link para que veja o vídeo com tempo, pode ser?
    Volte lá sempre que quiser, será sempre bem vinda.

    Abraço

    Meri Aleixo


    O link da música:
    http://youtu.be/wc6oC-WdAyE

    ResponderEliminar
  24. Uma alegria encontrá-la aqui e espero que venha sempre.

    Acabei de ouvir lá Ramalho e sua estupenda canção-denúncia.

    Amy não cantava mal...quando o conseguia fazer.Pena que se suicidasse lentamente.

    Um abraço

    ResponderEliminar
  25. Es más fácil de lo que parece.
    Por desgracia.

    Saludos.

    ResponderEliminar
  26. ver cair alguém com um talento descomunal como ela é triste...mas cada um deita-se na cama que faz.

    beijinho *

    ResponderEliminar
  27. Eu não poderia ter dito de outro modo.

    Boa semana para si.

    ResponderEliminar
  28. Há coisas que nunca conseguimos explicar.
    Estive de férias em Lagos. E estive com um poeta da terra que muito admiro e que talvez conheça. O Vieira Calado.
    Um abraço e uma boa semana

    ResponderEliminar
  29. Pois é, talvez nem quem passa por elas as consiga perceber.

    Gosto, sim, de Vieira Calado. Tenho é a impressão de que a simpatia não encontra eco.

    Abraço-a.

    ResponderEliminar
  30. Querida Sao,

    Como siempre aportandonos constructivas reflexiones.

    Gran abrazo y un beso

    ResponderEliminar
  31. Olá São, que tudo permaneça bem contigo!

    Creio que ela na verdade somente imaginava ter tudo, mas realmente ela sabia que não tinha o principal que mantém o ser humano respirando aconteça o que acontecer, amor Ela não conseguia amar e nem se sentir amada. E pessoas neste estágio perdem a noção da importância de se estar vivo!
    Creio que talvez seja por este motivo! Uma pena, tanto talento e uma vida desperdiçada!

    Bela postagem, e belas imagens também sobre seu cruzeiro muito bom este teu espaço também!

    Agradecido pelas visitas e comentários desejo a você e todos ao redor intenso viver feliz, abraços e até mais!

    ResponderEliminar
  32. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  33. infelizmente essa é uma realidade para muitos...
    Difícil compreender o porque que tantos jovens se deixam levar por esse caminho sem volta, mesmo sendo alertados e conscientes das suas consequências...

    Amiga, simplesmente amei sua visita, viu? Seja sempre bem vinda!

    Sigo-a com imenso prazer!

    Deixo carinhos pra ti.
    Beijos de flor
    Suelzy

    ResponderEliminar
  34. É do mais degradante que assisti até hoje.
    Não desejo isto a ninguém.
    Saudações.
    Compadre Alentejano

    ResponderEliminar
  35. Tristemente possível, não, amiga? E como magoa ver vidas e talentos perdidos tão cedo! :( Meu abraço, bom resto de semana.

    ResponderEliminar
  36. ________________________________

    ...bem, a morte virá para todos... É pena que alguns seres adiantem a sua hora.

    Beijos de luz e o meu carinho!

    ____________________________

    ResponderEliminar
  37. Cair é fácil, erguer-se é muito mais difícil.
    Cumps

    ResponderEliminar
  38. Querida São
    penso que saberá, como alguns/mas mais, que: sejam quais forem os excessos, o Universo não os contempla. E isso, aliado a uma depauperada estructura interna (se calhar)...mais o facto de não conseguir distanciar-se do sucesso veloz e voraz....fossem as causas da hora "X" se ter adiantado - diga-se que em termos evolutivos isso é péssimo.
    É comum ter-se anova oportunidade, mas quantas já teriam sido dadas á Amy?!
    Ninguém sabe.
    Portanto, quem somos nós para questionar os desígnios do Alto?! A nossa ignorância está longe de ser satisfeita...pela imperfeição implícita - mesmo que os "comentários" se esgotem...por aí...ou aqui.

    Abraço grande...grande.
    Sempre...
    M.

    ESPAVO!

    (estava difícil hoje publicar este comentário...uf!)

    ResponderEliminar
  39. Para chegar à morte basta estar vivo. O que lamento é a nossa juventude ter como simbolos muitas(os) Amy's que por aí andam.

    ResponderEliminar
  40. Pois , o seu lameto é o meu. Mas talvez a responsabilidade até seja mais de quem promove pessoas assim à condição de ídolos.

    Bom final de semana.

    ResponderEliminar
  41. Amiga e Companheira, apesar de tudo - e eu até acho que ninguém "parte" nem antes nem depois da hora definida - entristeço-me com a incapacidade demonstrada em aproveitar a oportunidade de evolução.

    Que seja muito feliz o seu dia, amnhã!

    Um forte abraço, MARIZ.


    NAMASTÉ!

    ResponderEliminar
  42. Sim, principalmente se se não fizer por isso.
    Bom final de semana, GUARDIÂo.

    ResponderEliminar
  43. Concordo, amiga, pena que se desperdice assim a oportunidade de caminhar em frente.

    Abraço grande.

    ResponderEliminar
  44. Querido Swami, que dor ver assim pessoas perdidas em coisas tão vãs...

    Um bom final de semana

    ResponderEliminar
  45. Já vi igual, infelizmente. Quem não lembra Janis Joplin, Jim Morrison , por exemplo?

    Bom final de semana, COMPADRE

    ResponderEliminar
  46. SUELZY, é uma tristeza imensa assistir a uma tal desorientação e não poder fazer nada para inverter a situação.

    Infelizmente, a maior ajuda terá que vir da própria pessoa e quando, por qualquer razão, isso não acontece...a situação complica-se.

    Um grato abraço, FLOR

    ResponderEliminar
  47. SOTNAS, talvez sim, talvez seja essa incapacidade de amar - mais ainda do que não ter amor - que desnorteia as pessoas e as faz infelizes ao ponto de se matarem.

    O meu grato abraço.

    ResponderEliminar
  48. Estimado amigo RICARDO, muchas gracias!

    Bem hajas!

    ResponderEliminar
  49. COMO SABEM , O MEU COMPUTADOR CONTINUA FUNCIONANDO AOS SOLAVANCOS...PELO QUE ESTOU SEM ACEDER À ACTUALIZAÇÃO DOS VOSSOS BLOGUES, INFELIZMENTE.

    BEM HAJAM!!

    ResponderEliminar
  50. São querida
    A nossa hora pode ser adiantada, pelo que estudei e até por filmes realizados já...isso se por acaso nos desviamos q.b. do projecto pre.estabelecido...
    Mas faz de conta que eu nada disse, pois longe de mim induzir alguém em erro...Deus não aceita de forma alguma isso. Portanto faz de conta que eu não disse nada. Se por acaso numa certa altura vier ter consigo tal inormação e que seja parecida com o que escrevi é porque assim será...caso não hajam sinais nesse sentido - e que a façam recordar do que já leu ou ouviu, então é por aí mesmo.
    Agora um 2º aspeco. Chegeuei de Fátima para onde vou todos os anos como sabe, rezei por si e acendi uma vela por si e as minhas amigas que são poucas mas que também conhece, salvo 1 ou 2.
    O meu subsídio - quase o ordenado mínimo - é sempre gasto nesses dias de retiro sózinha em silêncio.

    Já comecei a agradecer no facebook os votos de parabéns e vim agora qui reforçar as lindas palavras deixadas bem como a sua prenda. Mas confesso que tive muita pena que não tivesse participado "ainda" no post que deixei no meu blog; e os comentários estão abertos e tudo! E como havia uma surpresa para as 2 xarás, admirei-me que nenhuma colocasse lá uma gracinha, para nos rirmos...até porque antes de me ir embora, escrevi uma mensagem para ambas a esse respeito. O que é que teria acontecido?
    Também a Luna faltou...mas que estranho!
    Bom vou deixar mais uns dias por lá, não vão estar de férias....
    Beijinhos meus e grata sempre!
    Namasté e Espavo!

    ResponderEliminar
  51. Amiga e Companheira, é sempre um imenso gosto encontrá-la.

    SE diz que é assim, é porque o é. E talvez me eu tenha também explicado mal, pois se alguém se suicida é óbvio que está a não respeitar o prazo de vida. +pr exemplo.

    Também a incluo nas minhas preces e muito grata lhe fico por se lembrar de mim.

    Como deve ter já visto , estive festejando consigo e só o não fiz antes porque não consegui entrar, primeiro, e, depois, me ausentei.

    Um abraço apertado.

    NAMASTÉ!

    ResponderEliminar

Grata pela vinda!

Não saia sem comentar: a sua opinião importa
(-me).

E volte, em paz...