MALTA

MALTA

quinta-feira, 17 de agosto de 2017

BARCELONA

Barcelona, minha cidade-paixão, sofreu hoje um ataque directo e violento em pleno coração.

Les Rambles ( tanta vez as percorri deliciando-me  com  a sua vibração, a sua vida , a sua cor, onde tudo é possível - até dois homens nus subindo calmamente para a Praça da Catalunha, sem ninguém se escandalizar ou os insultar) foi vítima de um atentado terrorista à la mode : uma carrinha avançou em velocidade e ziguezagues matando treze pessoas e ferindo mais de cem.

A tristeza cobre-a e a mim também.

Paz para quem partiu ! Solidariedade para quem ficou e sofre!

segunda-feira, 14 de agosto de 2017

MATANÇA DE BADAJOZ

A 14 de Agosto de 1936 a coluna militar comandada pelo franquista Juan Y. Blanco  toma Badajoz, no contexto da Guerra Civil Espanhola.

Foi o culminar da sua vinda desde Sevilha, deixando atrás de si um doloroso rasto de assassínios, saques e devastação.

Imediatamente após a entrada na cidade, as tropas revoltosas da facção de Franco começaram um massacre brutal e sem tréguas da população civil.

O cemitério, as ruas  e a praça de touros ficaram  a transbordar  de cadáveres.

O jornalista Mário Neves, então com 24 anos  e correspondente do "Diário de Lisboa", escreveu em 17 de Agosto aquela que seria a sua derradeira crónica denunciando a  barbaridade do que estava  a ser feito na cidade da Estremadura e desmascarando também a falsa neutralidade portuguesa, pois a polícia devolvia os fugitivos - sabendo perfeitamente qual o seu destino .

A crónica não chegou a ser publicada, porque Salazar não o permitiu e o jornalista teve problemas sérios, como se imagina.

Pessoalmente, vi um documentário sobre este crime de guerra onde Mário Neves acedera  a regressar a Badajoz pela primeira vez  após muitas décadas e  ainda era bem patente  a sua emoção.

Sobre  esta coluna militar e os seus excessos recomendo vivamente a leitura de  "La Columna de la Muerte", de Francisco Espinosa, obra muito bem fundamentada na sua pesquisa histórica.

Como Vanessa Redgrave, "Eu não esqueço que o fascismo pode regressar".
               

                                  



quinta-feira, 10 de agosto de 2017

"JUSTIÇA " À PORTUGUESA

Estou escrevendo sob um choque brutal de incredulidade, raiva e revolta quanto a uma  sentença recente relativa a reiterada violação de uma menina pela BESTA que a adoptou.

A  criança foi adoptada e violada sistemáticamente, pelo que engravidou aos dez anos . A adoptante, mulher do violador, afirma  nunca se ter apercebido de nada e acabou por  autorizar  o aborto.

O caso foi parar ao Tribunal e todo o criminoso comportamento do adoptante ficou totalmente provado.

E agora, vem a sentença  perfeitamente inconcebível : a BESTA que julgou o caso , deixou o violador em liberdade!!!!!! 

ISTO É JUSTIÇA????!!!!
 

terça-feira, 1 de agosto de 2017

CITAÇÃO - LUCETTA SCARAFFIA

"Pierangelo Sequeri usou uma expressão muito significativa, <<época de charneira>>, para dizer que neste momento a sociedade impõe que a Igreja se repense totalmente e medite sobre si mesma, recordando que as mulheres existem, que não são só a parte numericamente maior dos religiosos e dos fiéis, como são parte constitutiva e específica da tradição cristã desde as origens."

Lucetta Scaraffia 
( "O Futuro Também é Feminino?") 

quinta-feira, 13 de julho de 2017

CITAÇÃO : FRIEDRICH NIETZSCHE

" Quem luta com monstros deve velar por que, ao fazê-lo, não se transforme também em monstro."


 Friedrich Nietzsche

quinta-feira, 6 de julho de 2017

IRRESPONSABILIDADE CRIMINOSA

As criaturas que no Governo só faltou venderem Portugal a retalho e tudo privatizaram - com consequências gravíssimas  para o país - deveriam ser julgadas em Tribunal Marcial!!!

sábado, 10 de junho de 2017

DIA DE PORTUGAL , DE CAMÕES E DAS COMUNIDADES PORTUGUESAS


Assim foram cortando o mar sereno,
Com vento sempre manso e nunca irado,
Até que houveram vista do terreno
Em que nasceram, sempre desejado.
Entraram pela foz do Tejo ameno,
E à  sua pátria e Rei temido e amado
O prémio e glória dão por que mandou,
E com títulos novos se ilustrou.

Luís de Camões
( "os Lusíadas")

segunda-feira, 5 de junho de 2017

CRIANÇA E CÃO

Estou em estado profundo de perplexidade e choque!

Antes, porém de continuar pretendo esclarecer que gosto de animais , que sou contra touradas e qualquer tipo de maus tratos, que tive durante onze anos uma dálmata de estimação.

Recentemente , a Inês , com quatro ou cinco anos, foi atacada pelo Black, cão de uma raça potencialmente perigosa e que o dono passeava  sem trela nem açaime, ao contrário do que a lei obriga.

A garota enfrenta um longo período de sofrimento para  não ficar  desfigurada e , entretanto, o cão foi entregue pelos donos  para reeducação em alternativa ao abate.

 Assim que a tragédia aconteceu, a dona do animal criou uma página intitulada "Salvem o Black" com o fim de se  conseguir a sua devolução .

Fiquei estupefacta com os comentários , pois todos referiam só o Black, sem sequer falar na Inês. E quem falou, melhor fora  nem o fazer, pois até  a consideraram  simplesmente  "um dano colateral" no meio de uma discussão de adultos.

A certa altura , criou-se uma corrente de oração pelo animal e eu comentei : "Rezemos, sim... e também pela Inês". Pois não é que uma criatura afirma que é completamente despropositada esta minha posição ?! Como é possível esta frieza relativamente a uma criança que vai ficar com sequelas para toda a vida,  enquanto sofre pelo animal que a atacou mais do que uma vez ?!

A inversão de valores é uma realidade brutal e esta obsessão com animais é assustadora. 

As pessoas estão a antropoformizar os animais e a projectar neles os seus sentimentos e as suas emoções, esquecendo completamente que a Natureza em si não é suave nem fácil.

Fico espantada com a defesa dos caracóis e com a afirmação de ser muito difícil saber, numa catástrofe, se salvaria uma criança ou um animal, porque o valor de ambos é o mesmo.

Por este caminho, se uma destas criaturas testemunhar um ser humano a ser atacado por um leão ou outro animal carnívoro, nada fará pois este tem o direito de se alimentar.

Sou eu que ensandeci???

segunda-feira, 29 de maio de 2017

CITAÇÃO - ANTÓNIO BARRETO

"Eu não queria que a geringonça funcionasse, porque não quero que um Governo democrático tenha o apoio do Bloco e do PCP, sobretudo do PCP."

ANTÓNIO BARRETO
(27-5-2017)
 

quinta-feira, 18 de maio de 2017

EM HONRA DE DEUS











LA  ILÂHA ILLÂ ALLAH
NÃO HÁ OUTRO DEUS SENÃO ALÁ !

terça-feira, 9 de maio de 2017

MACRON, PRESIDENTE DE FRANÇA

Emmanuel Macron foi eleito  Presidente da França , vencendo com larga margem Marine le Pen, figura  de proa da Extrema-Direita.

Obviamente , é uma excelente decisão  do povo francês. Porém, torna-se indispensável que a classe política francesa - e também a europeia - pare para reflectir sobre o facto preocupante e indesmentível que é a subida brutal de votos numa criatura que defende o racismo, a perseguição de estrangeiros, o encerramento de um país sobre sim mesmo.

Os políticos não podem reduzir tudo a um fenómeno de estarmos a enfrentar uma vaga de populismo. Têm que assumir a sua própria responsabilidade e enfrentar as consequências das opções governativas e não só que têm tomado ao longo de décadas.

Actualmente,  a pressão económica faz-se sentir em tudo. As guerras por interesses proliferam .Os valores humanísticos andam pelas ruas da amargura. As pessoas são consideradas algo perfeitamente  descartável, toleradas só enquanto  produzem.

Se Macron não desempenhar  bem o cargo, le Pen ou alguém da  sua área  vencerá as próximas eleições presidenciais, sem dúvida. Ou, para a impedir , haverá alianças bizarras tornando muito viável a hipótese posta em "Submissão".

Se a Esquerda - ou o que resta dela - não ganhar nova vida e abrir  caminhos para se renovar e à sociedade, não me parece  haver um futuro muito risonho esperando a Europa.

Além de tudo isto, vamos ver ainda como serão os resultados das próximas legislativas francesas.

Esperemos  que tudo corra sensatamente .

segunda-feira, 1 de maio de 2017

DIA DO TRABALHO , VIVA !




Que assim se defenda o direito ao trabalho e à dignidade, sempre !

sexta-feira, 21 de abril de 2017

sábado, 1 de abril de 2017

"BÚSSOLA" - MATHIAS ENARD




Acabei recentemente de ler este livro justamente galardoado  como Prémio Goncourt.

É escrito  na primeira pessoa por Franz numa noite de insónia.

E tod@s nós sabemos o que é uma noite branca , onde todas as memórias e todas as angústias nos assaltam e cercam.Principalmente se temos problemas de saúde, como é o caso desta personagem.

Ligado ao Oriente, Mathias Enard leva-nos pela mão numa viagem guiada a músicas, sítios, acontecimentos passados ali fazendo-nos conhecer compositores, locais e pessoas interessantissimas. Tudo isto tendo como pano de fundo o seu relacionamento sentimental com Sarah.

Tem uma particularidade: não recordo ter encontrado em nenhum romance tantas  referências a Portugal como em "Bússola".

Sugiro a leitura, penso que se não arrependerão.


EXCERTOS

"Nenhuma imagem representa melhor a assustadora batalha que os jihadistas levam a cabo contra a história do Islão do que esses pobres tipos aprumados, no seu canto do deserto, embestando contra tristes instrumentos marciais de que ignoram a proveniência."


"O folclore bósnio integra cantigas tradicionais chamadas sevdalinke. A palavra provém de um termo turco, sevdah, roubado ao árabe  sawda, que significa < a negra >. No cânone de Medicina de Avicena, é o nome dado ao humor negro, a melan kholia dos gregos, a melancolia. Trata-se, portanto, do equivalente bósnio da palavra portuguesa saudade, que (contrariamente ao que defendem os etimologistas) provém também ela do árabe sawda - e da mesma bílis negra.

As sevdalinke são a expressão de uma melancolia, como os fados."

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

ATÉ SEMPRE, JOSÉ AFONSO !



Trinta anos se passaram sobre a tua partida!!

Parece, no entanto, ter sido ontem que pelas ruas e praças de Setúbal acompanhei até ao cemitério o teu caixão coberto com um simples pedaço de tecido vermelho.

Onde quer que estejas, Paz e Luz !

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

AUSCHWITZ - BIRKENAU : 27/1/1945


O campo de concentração e extermínio humano de Auschwtiz-Birkenau (Polónia) foi libertado pelo Exército Vermelho em 27 de Janeiro de 1945. 

O complexo era constituído por vários espaços , não se  destinando só a assassinar pessoas. Actualmente, estão visíveis dois deles : Auschwitz ( instalações militares polacas de alvenaria aproveitadas pelos nazis para alojarem os prisioneiros) e Birkenau ( construído pelos prisioneiros de guerra em condições duríssimas  , que provocaram a morte a milhares deles - especialmente sovièticos).

No dia de hoje, setenta e dois anos depois, presto aqui a minha sentida homenagem a TODAS as vítimas de Adolf Hitler e do seu hediondo regime: ciganos, opositores políticos, deficientes alemães, padres católicos, Testemunhas de Jeová, judeus, homossexuais, prisioneiros de guerra, republicanos espanhóis, ....

Comecei a ler sobre a Segunda Grande Guerra ainda adolescente e só francamente adulta fiquei a saber que havia perseguições impiedosas sobre outras pessoas , além dos judeus.

Não posso deixar de dizer que me choca imenso o silêncio sobre a tragédia que se abateu sobre essas vítimas e não consigo entender porque motivo os próprios judeus esquecem e ignoram quem sofreu os horrores que eles próprios suportaram.

Das duas vezes que estive em Auschwitz-Birkenau a angústia que senti foi ainda mais aumentada pela maneira impiedosa e desumana como  Israel submete os palestinianos.

Quem não lembra os massacres dos campos de refugiados de Sabra e Chatila?

Quem esquece  o desrespeito das resoluções da ONU sobre a existência do Estado da Palestina?

Quem não se choca com os bombardeamentos brutais da Faixa de Gaza?

Paz  para TODAS as vítimas !

sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

NOVE ANOS

Para todas as pessoas que dão vida a este blogue , os meus sinceros agradecimentos pelos nove anos que hoje se perfazem.

                              BEM HAJAM !

quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

CITAÇÃO - ARTUR PORTELA

 
"EN LAS CUNETAS DE LA ENTRADA, EN POSICIONES DRAMÁTICAS, SE VEN DOS FILAS DE CADÁVERES.UNOS MURIERON EN EL ÚLTIMO COMBATE, OTROS DESPUÉS.

PARA QUE NO SE PRODUJESE PUTREFACCIÓN , LOS CUERPOS FUERON ROCIADOS CON GASOLINA Y QUEMADOS DESPUÉS. UN OLOR ATROZ, COMO GANGRENA SUELTA, LLENA EL AIRE.

HAY QUE ALIVIAR LA VISIÓN Y CONTROLAR EL ESCALOFRIO NERVIOSO. ES LA GUERRA CON TODOS SUS HORRORES."

                                                   Artur Portela
               (Entrada dos franquistas em Talavera de La Reina)