segunda-feira, 11 de outubro de 2021

CITAÇÃO : PEDRO NORTON ( "VISÃO" Nº 1492, 2021)

 "Para um cidadão comum, não iniciado em bizantinices processuais, o caso de João Rendeiro é, a todos os títulos, incompreensível.

(...)Tendo o BPP falido em 2008 (...) passados treze anos, ao tal cidadão comum pede-se agora que entenda, interiorize e aceite que Rendeiro abandonou tranquilamente o país e se encontra a viver dos seus desmandos nalgum paraíso tropical. (...)

Não perceber que a Justiça não pode continuar a viver num universo de abstracções teóricas é não perceber nada."



40 comentários:

  1. Absolutamente incompreensível!
    Como é que se pode confiar num pilar da Democracia como é a nossa Justiça?

    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu não confio!

      Uma senhora de idade rouba um creme num supermercado e é julgada e condenada em tribunal assim como um sem abrigo que roubou uma embalagem de polvo.

      Este vigarista, já depois de condenado, ausenta-se do país , sem sequer dar o endereço de onde se aloja...

      E ainda há quem defenda o magistrado porque não tem poderes de adivinhação?! Alguém acreditou que esta criatura iria para a prisão?! Tinham que lhe tirar o passaporte.

      Prendem Sócrates com um tremendo espalhafato televisivo na chegada a Portugal e metem-no na prisão sem mais nem menos , e deixam fugir Rendeiro, Vale e Azevedo, Zézé Beleza e o padre Frederico!!

      Vergonhoso!!

      Beijinho

      Eliminar
  2. Infelizmente este não é caso único, e tudo continua e vai continuar na mesma, a justiça no nosso país é intocável!
    Até quando ?

    Um beijinho amiga São, feliz semana !

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como é possível terem fugido Vale e Azevedo, Zézé Beleza, padre Frederico Rendeiro?! Só por cumplicidade e neglicência de quem deveria fazer cumprir a Justiça, nada mais!!

      Entretanto, noutros casos a Justiça funciona como espectáculo e prende um antigo primeiro-ministro e o colaborador de João Rendeiro na chegada ao aeroporto e promove fugas escandalosas ao segredo de justiça!!

      Boa semana, minha amiga.Beijinhos

      Eliminar
  3. Não podia estar mais de acordo.
    É de facto incompreensível este comportamento do tribunal.
    Que pode nos levar a questionar, se este comportamento de alguns membros da justiça, parecem estar ou não coniventes com determinados arguidos, como é o caso em causa.
    É uma questão que pode ficar no ar.

    Boa semana, amiga São!
    Beijinhos!

    Mário Margaride

    http://poesiaaquiesta.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se não estão coniventes, imitam muito bem e se alguns não foram subornados imitam ainda melhor!!

      Para cúmulo, apareceu uma Associação Sindical dos Juízes Portugueses que actua como porta-voz da classe e comenta todos os casos , defendendo sempre corporativamente mesmo quem mostra incompetência ou coisa mais suspeita ainda.

      Os magistrados são autónomos.Como aparece então uma entidade sindical?!

      Meu amigo, beijinho de boa tarde

      Eliminar
  4. La justicia de aquí siempre hace abstracciones para proteger a los poderosos.
    En cambio con los que no tienen nada, con esos no tiene piedad.

    Besos.

    ResponderEliminar
  5. Roubou milhões e não o conseguem apanhar.
    O pobre se roubar um pão para comer é condenado... Estamos num País de ladrões e corruptos!
    -
    Mãos que acolhem no regaço
    -
    Votos de uma excelente semana. Beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não se pode generalizar, Ci!

      No entanto, esta fuga de Rendeiro é uma afronta aos milhões de pessoas honestas do nosso país, sem dúvida!

      Abraço, boa semana

      Eliminar
  6. É escandaloso que se dê tempo aos bandidos para planearem e prepararem bem a sua fuga. A nossa justiça tem que mudar...
    Uma boa semana com muita saúde.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, quem aplica a Justiça tem mesmo que mudar e, principalmente, tem que ser muito bem escrutinado!!

      Beijinho, Amiga, cuida-te e tem boa semana :)

      Eliminar
  7. E neste país só se incomodam em condenar o Sócrates. Não o estou a defender só que sei que não é o único, Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não creio na inocência de Sócrates, mas o que a Justiça fez com ele passou muito por vingança e má-fé da parte dos juízes .

      Indecente que cassetes de vídeo com interrogatórios tenham sido dadas às televisões .

      O Ministério Público deveria ser responsabilizado por muitos comportamentos inadequados e discriminatórios .Por exemplo , retiraram o passaporte a António Mexia , mas não a João Rendeiro, já condenado!!

      Beijinhos

      Eliminar
  8. Mas, no fundo, São, não é assim que vive a Justiça? Ao menos aqui, em nosso Brasil! :( Meu abraço, amiga; boa semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A Justiça deveria ser cega no sentido de tratar todas pessoas por igual, mas infelizmente é muito complacente com os crimes de colarinho branco e impiedosa com os desgraçados que só têm um advogado oficioso para os apoiar.

      Querido Amigo, te abraço, boa semana

      Eliminar
  9. Não saíram hoje mais uns quantos? Este país deveria mudar de nome para Roubalheira até mais não

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. POis , também não entendi essas saídas e relacionadas com o COVID menos ainda...

      Não podemos, porém , generalizar.

      Até a comunicação social usa desiganações diferentes segundo a classe social e o poder económico do culpado : Rendeiro é um milionário que decidiu não regressar ao país, por exemplo !!

      Qualquer dia vou para Lua!!

      Eliminar
  10. Somos muitos a pensar o mesmo e estar de boca aberta de tão espantados! Boa semana!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu estou mais indignada e furiosa do que perplexa!!

      Abraço grato, retribuindo

      Eliminar
  11. Por estas e por outras parecidas é que se diz que a Justiça é cega.
    Abraço, saúde e uma boa semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não é nesse sentido que a Justiça deveria ser cega, mas sim em não fazer distinções entre os criminosos de colarinho branco e os desgraçados que roubam uma galinha e vão algemados a tribunal!!

      Beijinho e tudo de bom

      Eliminar
  12. Qualquer comentário que fizesse seria muito mal educado e rude.

    ResponderEliminar
  13. justice is luxury for many...

    # Love your thought and quote

    ResponderEliminar
  14. A justiça não é igual para todos, infelizmente.

    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, mas é indesculpável serem juízes e magistrados a cavar essa desigualdade mais do que está...

      Eliminar
  15. Respostas
    1. Incrível que a Justiça portuguesa deixe sair do país um vigarista já condenado !!

      Abraço, boa noite

      Eliminar
  16. é como vai a nossa Justiça
    farinha do mesmo saco

    ;(

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uma vergonha este agravamento da desigualdade entre quem tem poder económico e quem o não tem pelas instituições com o dever de tratar todas as pessoas da mesma maneira!!!

      Eliminar
  17. Boa tarde. Infelizmente aqui no Brasil a justiça é rápida para os pobres e lenta para os ricos e poderosos.

    ResponderEliminar
  18. Pura injustiça!
    Um beijinho, São!
    Megy Maia🍁😊🍂

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pior que injustiça: é desleixo e incompetência, na melhor das hipóteses!

      Beijinho, tudo de bom

      Eliminar
  19. A nossa Justiça está podre!
    Os poderosos safam-se sempre.
    Beijo São, feliz fim-de-semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Realmente , a aplicação da Justiça em Portugal tem vergonhosa dualidade de critérios e isso deve acabar obrigatoriamente.Assim como a maneira como a Comunicação Social se refere aos criminosos segundo têm ou não poder económico !!

      Grato abraço , retribuindo.

      Eliminar
  20. O Salgado... por outras vias... também se prepara para se escapar às malhas da justiça...
    Há sempre formas de se achar, um desvio, ao curso da justiça... a uns proporcionando a fuga, e a outros isentando-os de responsabilidades... porque no limite... todos são malucos até prova em contrário... e tudo isto, quando os processos não prescrevem... facilitando ainda mais tal engrenagem da não justiça sistemática a funcionar...
    Beijinhos
    Ana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uma infâmia a duplicidade de critérios na aplicação da Justiça em Portugal!!

      E até nos poderosos existe maneira desigual de os magistrados e juízes agirem: Sócrates e o colaborador de Rendeiro foram presos (com aparato televisivo no caso do primeiro) à saída do avião em que regressavam a Portugal e a António Mexia , sem acusação sequer, retiraram o passaporte.

      Face a João Rendeiro, já condenado, não lhe retiraram passaporte, deixaram-no sair do país sempre que quis e a colecção de arte foi entregue à guarda da sua mulher!!!

      Uma vergonha total tudo isto.

      Salgado é outro caso vergonhoso de escapar à Justiça.

      Beijinho, Ana

      Eliminar

Grata pela vinda!

Não saia sem comentar: a sua opinião importa
(-me).

E volte, em paz...

CITAÇÃO : ADORNO, FILÓSOFO ALEMÃO, 1949

 "Escrever poesia depois de Auschwitz é bárbaro e a educação tem como objectivo que se não repita!"