domingo, 12 de julho de 2009

FANATISMO E INTOLERÂNCIA

TOLUM: TEMPLO DO DEUS QUE DESCE
CONFRONTO ENTRE O COLONIALISMO ESPANHOL E AS CULTURAS SUL-AMERICANAS

CERCO E DESTRUIÇÃO DAS CULTURAS INDÍGENAS


IMPOTÊNCIA E DOR DO HOMEM-JAGUAR FACE À SOBERBA COLONIAL



México, 12 de Julho de 1562.



Diego de Landa, inquisidor espanhol representando tanto o Papa como o Rei de Espanha, num acto de puro desrespeito humano , intelectual e religioso, destruiu e aniquilou a cultura maia num auto-de-fé gigantesco alimentado por largos milhares de códices.


Teve ainda a perversão e o cinismo de registar por escrito a grande desolação que este crime nefando e bárbaro causou aos nativos.


Como alguém já escreveu, se efectivamente havia influência diabólica na Idade Média, essa encontrava-se no coração, no espírito e na cabeça da Inquisição e de Roma.

Aliás, como sempre tem acontecido.
E AINDA ACONTECE!!

52 comentários:

  1. Na cidade de México DF, está a praça das culturas e as palavras ali inscritas são o reflexo dum passado e da verdade que aqui transmites.
    Lamentavelmente não é o único caso, então e agora.

    Para mitigar estas épocas que a historia deixou, um viva a democracia.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Acho que percebi o que escreveu e até estou de acordo. Vamos a um brinde?

    ResponderEliminar
  3. Obrigada por téreste interesado pola miña saúde...xa estou mellor e acabo de colgar a túa suxestión...agardo que che guste.

    ResponderEliminar
  4. *
    O imperador Montezuma II
    recebeu o Capitão Hernán Cortés
    como o um Deus, deus Quetzalcóatl
    dizia, foi assassinado por ordem
    de Cortés, mentor dos criminosos,
    que eliminaram, os Maias, Incas
    e Astecas, em Castela é o herói
    dos heróis . . . óbvio . . .
    ,
    serenas maresias, envio,
    ,
    *

    ResponderEliminar
  5. Fanatismo e ignorância... até hoje, amiga, estas pragas destroem o mundo que poderíamos ter. :( Boa semana, fica bem!

    ResponderEliminar
  6. Muchas gracias por tu comentario! tu blog es precioso!

    Un abrazo!

    ResponderEliminar
  7. Conheço uma pessoa que diz que Deus criou a igreja e o diabo criou o clero.
    Mas independentemente de tudo isso, ao pesquisarmos a história da aparição de Nossa Senhora de Guadalupe, entendemos o por que desta Madrecita ser tão querida no México.

    ResponderEliminar
  8. Citas un recuerdo doloroso para lo que llamaron "El nuevo mundo".

    Se llevaron el oro y se quedaron con las mujeres. Cuando nos devolveran todo con indemnizacion.

    Un beso grande, mi muy querida amiga Sao.

    ResponderEliminar
  9. Os maiores crimes da humanidade foram sempre associados ao fanatismo politico e religioso.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  10. Meu querido DUARTE, infelizmente não pude visitar a Cidade do México,,,

    Grito contigo: Viva a Democracia!!

    Bem hajas!

    ResponderEliminar
  11. Gosto de que esteja de acordo.

    Porque não?

    Tudo de bom.

    ResponderEliminar
  12. Minha estimada CONXURADA, ainda bem que regressaste de boa saúde.

    Sim, gostei muito, pois _ como sempre - a tua escrita merece aplauso.

    Beijos.

    ResponderEliminar
  13. Isso é que magoa a alma e indigna!

    É ainda serem considerados heróis!!

    Um grande abraço, POETA.

    ResponderEliminar
  14. Infelizmente, mas se já não havia grandes atenuantes naquela época , agora é que não existem mesmo nenhumas!!

    Beijo.te, estimado ÁRABE!

    ResponderEliminar
  15. Muchas gracias, GLÓRIA!

    Gostei imenso do teu espaço, tem fotos fabulosas.

    Espero que me dês o gosto de regressares.

    Abrazos.

    ResponderEliminar
  16. Pois eu concordo com essa pessoa, sabes?

    Sim, a estória da Senhora de Guadalupe é de uma ingenuidade que enternece, principalmente porque apareceu a um índio...

    Beijinhos, BÁRBARA.

    ResponderEliminar
  17. Meu querido RiCARDO, não creio que os colonizadores devolvam seja o que for, infelizmente.

    Só quando toda a gente se convencer genuinamente de que não existem raças - e , muito menos, raças superiores - é que o arrependimento virá.

    Un fuerte abrazo.

    ResponderEliminar
  18. Assim é, ELVIRA.

    Mas porque não aprendemos nós?!

    Beijinho.

    ResponderEliminar
  19. O homem constrói, e destrói. É lamentável, porque o legado de um povo é a sua cultura.

    beijo mimha querida

    ResponderEliminar
  20. E o pior é que esta falta de respeito pela cultura e pela identidade dos povos continua , até pela Igreja!

    Um abraço, querida MENINA.

    ResponderEliminar
  21. Esperemos que algún día el ser humano cambie. Todavía el fanatismo y la falta de cosideración reinan en el mundo.
    Beijos, mi amiga

    ResponderEliminar
  22. É verdade. Infelizmente. E no Chile? No Equador? Na Bolívia? Na Argentina? No... Brasil? Espanhóis? É verdade! E os holandeses, os franceses, os ingleses, os... portugueses?
    Passado meio milénio apenas mudaram as formas...

    abraços!
    www.tintapermanente.com

    ResponderEliminar
  23. Como dizes e muito bem , não percamos a esperança.

    Besos, querido RODOLFO.

    ResponderEliminar
  24. E ainda faltaram os belgas...

    Mas quando evoluitrmos a sério?!

    Um abraço, TINTA PERMANENTE.

    ResponderEliminar
  25. Infelizmente, querida São, infelizmente !

    Mas felizmente, há quem lembra estes acontecimentos para que não se repitam !

    Beijinhos

    Verdinha

    Merci pour ton éloge :-)

    ResponderEliminar
  26. E só temos mesmo que lutar para que os seres humanos se respeitem mutuamente, não é?

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  27. É verdade amiga, Prepotência sempre houve da parte de quem se julga com poder para aniquilar o ser mais fraco, mas, amanhã pagarão por tudo isso... E a Santa Inquisição (ainda lhe chamavam santa!)faziam na mesma, mas que dor ao ler tantos livros sobre isso...
    Beijinhos nina..laura.

    ResponderEliminar
  28. É São, a história sempre se repete, em outras circunstâncias, mas se repete!

    Obrigada pela sua visita.

    Beijos, Teresa

    ResponderEliminar
  29. Quanta verdade nestas tuas palavras ...belas as fotos. Jhs

    ResponderEliminar
  30. As diferentes culturas devem causar encontros e não confrontos.
    Infelizmente, hoje não somos melhores... quase sempre olhamos para as outras culturas com a nossa como referência, sem nos despirmos de preconceitos.

    Boas fotos!

    Bjinhos

    ResponderEliminar
  31. Tulum é um espanto...aquelas preciosidades arqueológicas com aquele mar turquesa como pano de fundo apaixonam qualquer pessoa
    beijo

    ResponderEliminar
  32. Querida LAURA, o que ainda mais indigna e revolta é que a "santa" Inquisição continua bem activa e a queima das pessoas também, só que a nível psicológico...

    Feliz final de semana.

    ResponderEliminar
  33. E ainda há quem bacocamente afirme que a História acabou, não é?

    Bom final de semana, TERESA.

    ResponderEliminar
  34. Sim, infelizmente ainda temos razões para escrever palavras verdadeiras acerca de coisas assim pavorosas como a ctuação de Roma ( e , sejamos justos, de oitras Igrejas também)


    Bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  35. Obrigada por gostares das fotos.


    Preconceitos são mais dificeis de cesmontar do que um àtomo, segundo Einstein....

    Um bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  36. São, obrigada pelo comentário no meu blog.

    E o fanatismo parece que ainda não foi erradicado deste mundo, talvez no próximo. As pessoas parecem mesmo ainda ter aquele instinto pérfido. Mas vamos pensar positivamente e florir de cores nosso viver, quem sabe assim o mundo melhore.
    Beijos no coração e lindo fim de semana.
    Cleo

    ResponderEliminar
  37. 2012 se aproxima, necessário não o olvidar!

    E que o nosso contributo seja, sim, positivo.

    Bem hajas, minha amiga!

    ResponderEliminar
  38. ALERTA GERAL

    Obrigada pelo elogio.

    O convido a espreitar o outro espaço: "são"


    Ao visitar o seu blogue me ocorreu sugerir-lhe que visite PAULO_ INTEMPORAL.

    Bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  39. “Sou jardim
    quintal.
    Sou sala
    sou fogão
    forno com pão.
    Sou mesa posta
    sou cama macia
    travesseiro de ervas.
    Sou roseira na janela
    Sou casa.
    Mas a luz só ilumina, amigo,
    quando chegas dentro dela.”

    A presença do amigo é sempre essencial... Por isso vim te visitar!!

    Beijo bem grande e uma linda sexta-feira!!

    ResponderEliminar
  40. Quem se lembrar da canção do nosso querido amigo José Afonso em " os vampiros" até parece que ele viveu essa época. Só o clero tinha razão, quem discordasse, ou era emparedado ou queimado.

    ResponderEliminar
  41. Aproveito para falar sobre os geradores eólicos como descaracterizadores da natureza. Infelizmente é uma dificuldade em escondê-los , mas em compensação temos uma inergia alternativa e limpa. Muitas das vezes faz-me lembrar o D. Quixote.

    ResponderEliminar
  42. *
    nada de novo ?
    ,
    já volto . . .
    ,
    conchinhas,
    ,
    *

    ResponderEliminar
  43. Minha querida São
    Não digas a ninguém que me viste. É que deu-se aqui um milagre: deixaram-me sozinho.
    Tás a ver p'ra onde é que vim logo a correr...
    Mas a prisão tá a terminar. Penso que na próxima semana já vou ter ordem de "soltura"...
    Falando muito sério, não imaginas como te estou grato pelo teu cuidado.
    Não vou esquecer. O maior defeito que tenho é nunca esquecer as coisas boas que me fazem.

    Um grande e forte abraço
    Botinhas

    ResponderEliminar
  44. Bem vinda , HELINHA!

    Sua vista deu-me ensejo de descobrir um blogue que me agreadou e dondev trouxe um cartoon.

    Mas agradeço que comente aquilo que eu tenho publicado, para mim é importante a vossa opinião.

    Feliz domingo.

    ResponderEliminar
  45. O maIS grave é que , embora de maneira mais disfarçada , o comportamento clerical é semelhante: "eles comem tudo e não deixam nada", nem a esperança, sequer!

    Um bom domingo, JOÃO.

    ResponderEliminar
  46. Quanto aos postes heólicos, eu nem desgosto muito deles, sabes?

    E acho impressionante o vastíssimo parque destas estruturas que existe perto (relativamente) da magnífica Cidade Condal.

    Beijinhos, estimado JOÃO.

    ResponderEliminar
  47. Meu querido POETA , a tua vinda é sempre uma enorme alegria.

    Já agora, eu aqui só escrevo aos domingos.

    Que o teu domingo seja salino.

    ResponderEliminar
  48. Viva, BOTINHAS.

    È por demais agradável encontrar-te aqui, mas cuida de ti, sim?

    Um grande, grande abraço, companheiro.

    ResponderEliminar

Grata pela vinda!

Não saia sem comentar: a sua opinião importa
(-me).

E volte, em paz...