MALTA

MALTA

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

MIGUEL RELVAS , O MINISTRO - CENSOR

" Após uma crónica a arrasar o programa da RTP Reencontro , transmitido de Angola, na qual se insurge contra a forma acrítica e mesmo apologética como o regime angolano foi tratado, o jornalista Pedro Rosa Mendes viu cessar a sua colaboração no programa matinal da Antena 1, Este Tempo.(...)

O factor Angola foi coincidência? Ou não há coincidências? Rosa Mendes é o mesmo correspondente da Lusa, em Paris, a quem foi recusada, no final de 2011, a renovação do contrato.

Ponto comum: a tutela da RTP/RDP e da Lusa pertence a ...Miguel Relvas."

"VISÃO"- 26/1/2012


NOTAS:
- Miguel Relvas não gostou que Maria Flor Pedroso o tivesse questionado acerca do tema.

- A Direcção de Informação da RDP , constituída por João Barreiros e Ricardo Alexandre, demitiu-se em 2-2-2012.

26 comentários:

  1. Angola...Africa, el mundo: Que triste pobreza!!

    Un beso mi querida Sao.

    ResponderEliminar
  2. Sãozita minha querida

    Pois!!!!
    E assim os vão calando.

    Beijinho e uma flor

    ResponderEliminar
  3. Bem triste, meu amigo. Principalmente quando os intetresses se sobrepõem aos valores.

    Bem hajas, Ricardo

    ResponderEliminar
  4. É mesmo: estamos voltando à censura...

    Um enorme abraço, ADELNHA

    ResponderEliminar
  5. E depois enchem a boca para falar de Liberdade. Que Liberdade?
    Um abraço

    ResponderEliminar
  6. A de eles nos tirarem tudo, minha linda

    Abraço amigo

    ResponderEliminar
  7. E assim fabricam silêncios que para eles são bons, mas para a democracia são uma infâmia e um desespero.

    ResponderEliminar
  8. Politica da mordaça... defesa dos incompetentes! Boa semana, amiga.

    ResponderEliminar
  9. Que pensarão as pessoas que votaram neles? Imposs+ivel que algumas não se tenham já arrependido, LUÍS!

    ResponderEliminar
  10. A gravidade é maior ainda neste momento de crise e falta de trabalho, porque provoca auto-censura...como no tempo da ditadura.

    Abraço.te, meu amigo ÁRABE

    ResponderEliminar
  11. Não ando ao corrente, por isso agradeço este modo de informar-me, tão teu.
    Beijinhos de agradecimento

    ResponderEliminar
  12. São
    Fico penalizada com a situação em Portugal ou Angola.
    Só me resta rezar pra que possam encontrar uma solução eficiente
    com carinho e amizade de Monica

    ResponderEliminar
  13. Amigo, talvez até seja bom não estares ao corrente da desgraça em que Portugal está.

    Mas se estiveres interessado em conhecer mais, passa pelo "são"

    Te envio carinhoso abraço, DUARTE

    ResponderEliminar
  14. Amiga, rezemos sim para que os poderosos tenham Luz e compaixão.

    Abraços, minha querida MÓNICA

    ResponderEliminar
  15. enfim, tenho dificuldade em falar num assunto de que apenas conheço a "espuma".

    ... mas tenho para mim que não há inocentes.

    abraço

    ResponderEliminar
  16. A parte que vi do programa - assim como a entrevista dada por Fátima, a apresentadora do mesmo a um programa angolano - não me agradaram nada.

    Os fretes que foram feitos nos Governos de Sócrates são aqueles que agora está fazendo ao do PSD- CDS.

    Fica bem

    ResponderEliminar
  17. *
    Amiga,
    (As)Os Relvas, são diferentes,
    a Casa dos Patudos -Alpiarça,
    são o expoente máximo do anti-
    -Salazarismo, e de todo o mal que
    fizemos a Angola, durante séculos,
    com interesses ou não, Angola está
    ajudando Portugal, em variadas
    vertentes e como connosco(nós dois) não existem nem algemas nem amarras, dos valores cada um bebe o quer, e haverá em Portugal, Democracia ?
    olha . . . eu não vejo o Povo(demo)
    na Cracia(o Poder), agora que temos
    muitos imitadores, quiçá, superiores aos que bajulavam o Botas de Santa Comba, não tenho duvidas, se Timor nos quer ajudar,
    porque não Angola ?
    ,
    Eu sei que me vais Fuzilar, na tua
    resposta, olha, talvez mereça !
    ,
    conchinhas friorentas, ficam,
    *

    ResponderEliminar
  18. São ,
    aquilo que sinto não é apenas que o senhor Miguel Relvas é o ministro censor , mas também o " primeiro ministro ".


    Um beijo e tem uma noite serena

    ResponderEliminar
  19. Meu amigo, achas mesmo que Angola nos quer ajudar?!É que eu não acho mada isso!! Timor ainda poderá mesmo querer dar uma mão, mas Angola quer tudo menos isso.

    Democracia? Pois estou como tu: está agonizante e reduzida a uma votação fementida de quatro em quatro anos...mas isso não significa que possa concordar com ditaduras...


    Um abraço enorme...e sem fuzilamento, rrsss

    ResponderEliminar
  20. MARIA, concordo, pois Relvas é a eminência parda e o homem de confiança de Passos...

    Bons sonhos

    ResponderEliminar
  21. Isso faço, querida amiga.
    Aqui sempre estou ao dia!
    Abraços

    ResponderEliminar
  22. O post é o que tem o barco e conta as malfeitorias que andam fazendo a tudo quanto é público.

    Um bom final de semana, companheiro.

    ResponderEliminar
  23. Novamente a censura? Certos interesses ultrapassam tudo e espezinham por onde passam....

    Bom alerta

    Bom fim de semana

    Bjgrande do lago

    ResponderEliminar
  24. Novemente a censura, infelizmente!

    Novamente, o Estado Novo...se nós deixarmos

    Beijo amigo.

    ResponderEliminar
  25. Como podem os principais órgãos de informação pública estarem nas mãos da mesma pessoa?

    Não são os jornalistas que têm de ser esmiuçados mas sim os políticos e governantes.

    Abraços grandes, São minha.

    ResponderEliminar
  26. Porque por pura demagogia Passos encolheu o Governo, mas agora multiplica as Comissões!

    Enfim...

    Bons sonhos, meu querido.

    ResponderEliminar

Grata pela vinda!

Não saia sem comentar: a sua opinião importa
(-me).

E volte, em paz...