terça-feira, 10 de janeiro de 2017

STTL, MÁRIO SOARES ! (Leonard Cohen - The Partisan)

24 comentários:

  1. As lágrimas caem-me, é apenas o que consigo dizer depois de ver as imagens do video, tanta destruição e mortes.

    Beijinho Sãozita.

    ResponderEliminar
  2. Adelinha, e tudo tão sem sentido, não é?

    As tuas melhoras e muitos beijos

    ResponderEliminar
  3. É bom que a humanidade não esqueça.
    Um abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que a Humanidade esquece tudo e nada parende, amiga

      Beijinhos

      Eliminar
  4. Escrevi hoje algumas palavras com Soares como tema.
    Que repouse em paz.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gostei imenso das palavras que escreveu sobre Mário Soares, que repouse em paz !

      Eliminar
  5. Respostas
    1. O Homem é a única espécie que se pode extinguir até à sua total extinção

      Beijinhos

      Eliminar
  6. E que deveriam fazer reflectir quem ordena guerras!

    Gracinha, beijinho

    ResponderEliminar
  7. Uma extraordinária partilha, São!... Para além de não conhecer este trabalho de Cohen!... As imagens... falam por si!...
    Um cantor, que toda a vida, sempre fez por despertar consciências...
    Beijinho! Adorei o post!
    Ana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Penso que esta canção foi das primeiras que gravou e, como decerto sabe, ele não gravou muito.

      Cohen é alguém que sempre admirei muito e que felizmente pude aplaudir ao vivo em Lisboa.

      Beijnhos e óptima semana, Ana

      Eliminar
  8. São
    O ritmo da canção e própria canção fazem reflectir nos cenários da guerra clássica que a actual, de guerrilha, não é menos suja.
    Agradeço que veja, leia e comente BRASIL - O SORRISO DE DEUS.
    Brasília – Distrito Federal
    http://amornaguerra.blogspot.pt/
    bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, agora é a guerrilha, mas a brutalidade é igual

      Beijinhos

      Eliminar
  9. Concordo inteiramente contigo, São: deveriam, sim, fazer refletir aqueles que ordenam as guerras! Mas o trabalho é fantástico. Boa semana, minha amiga; fica bem!

    ResponderEliminar
  10. Só que os SEnhores da Guerra não pensam senão em si...

    Beijinho e feliz semana

    ResponderEliminar
  11. Bom dia, a brutalidade da guerra é sempre igual, infelizmente os senhores da guerra culpados por milhares de vitimas de todas as idade ficam impunes e nunca são julgados e condenados, é os caso deste aberrantes oportunistas com as mão sujas de sangue derramado pelas vitimas quando concordaram atacar o Iraque, são, George W. Bush, Tony Blair, Durão Barroso e José Maria Aznar.
    AG

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se me permite, António, assino por baixo!

      Boa semana

      Eliminar
  12. O homem, os homens e a história que eles escrevem desde sempre.
    Belíssimo, Cohen.
    Bj.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Leonard é das pessoas que sempre admirei e , felizmente, tive o gosto de o aplaudir ao vivo em Lisboa.

      Abraços

      Eliminar

Grata pela vinda!

Não saia sem comentar: a sua opinião importa
(-me).

E volte, em paz...