segunda-feira, 14 de junho de 2021

CITAÇÃO : IAN MORRIS ("GUERRA! PARA QUE SERVE?")

 "No seu conjunto, o mundo que emergiu da Primavera Árabe parece algo democrático, mas terrivelmente instável.


É em grande parte islamita, em grande parte pobre, mal governado, desconfiado em relação à América e ainda mais desconfiado em relação a Israel.


É difícil saber quem, entre Bush e bin Laden, teria gostado menos dele.


Embora, como reconheceu o próprio Bush, <<modernização não seja o mesmo que ocidentalização; os governos representativos no Médio Oriente reflectirão as suas próprias culturas>>."

30 comentários:

  1. Olá, São!
    Nem mais. Como se diz na gíria:pior a emenda que o soneto.
    Os americanos, andam constantemente a "comprar"guerras. Mas o intuito, é tirarem benefícios delas. Estão-se nas tintas para as mortes dos milhares de Inocentes que morrem. O único interesse, é o seu. Seu, deles americanos.

    Ótima semana, amiga São!

    Beijinhos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A isso se chama o maior dos cinismos , porque se os USA realmente se preocupassem com os Direitos Humanos retirariam o apoio incondicional que dão a Israel e não seria cúmplices do genocídio dos palestinianos. Só por exemplo, porque existem muitas outras escandalosas situações. Quem não se lembra da Operação Condor?

      Beijinho e boa semana, Mário

      Eliminar
  2. Quem quer a paz não promove a guerra!

    Abraço

    ResponderEliminar
  3. Há países que só estão bem em guerrinhas :/
    *
    Neste mundo aonde me permito vaguear
    *
    Beijos e uma excelente semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E só pensam nos seus próprios interesses : é o caso dos EUA!

      Abraço, Ci, boa semana

      Eliminar
  4. Os grandes Países precisam da guerra. As armas têm que ser utilizadas e as balas e as granadas têm de ser gastas. Dizer o contrário é pura utopia.
    .
    Uma 2ª feira feliz
    .
    Pensamentos e Devaneios Poéticos
    .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Infelizmente, sou obrigada a concordar consigo...

      Bom resto de dia

      Eliminar
  5. É verdade que o negócio das armas dá muito dinheiro, o Irão e o Iraque estiveram em guerra anos :)
    Não acredito que se todos os países árabes se quisessem não teriam acabado com Israel naquela altura, sempre os americanos
    Os americanos ajudaram o Afeganistão a sair da alçada dos russos e o que receberam em troca em 2001? Pois é

    Trump não juntou judeus e muçulmanos? Não correram com ele? Agora tenham as Guerras do Bem :)

    Já O antigo Rei da Jordânia sabia bem o que valia o mundo muçulmano quando se uniu aos EUA e a Israel :) Olha para a Turquia, o que foi e no que está a tornar

    ResponderEliminar
  6. Estiveram , sim... mas a quem compraram as armas ? Não foi um ao outro!

    Os países árabes, e aí concordamos, não são capazes de se unirem.Além disso, pouco se importam com o drama dos palestinianos.

    Para mim , não existem guerras boas ou más : são todas péssimas !

    O mundo muçulmano tem qualidades e defeitos como todos os mundos...

    Boa semana

    ResponderEliminar
  7. Ficou ali um barril de pólvora espalhado.
    Que pode rebentar a qualquer momento.
    Boa semana

    ResponderEliminar
  8. Estados Unidos es una nación muy cruel...y algún día pagará caro todos sus abusos. Por culpa de ellos se han creado muchas guerras, y apoyan a los israelitas en las matanzas que cometen contra los palestinos. Gracias por tocar este tema interesante, Sao. Un abrazo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como escreveu o grande escritor Miguel Torga, os EUA , sendo uma não jovem comportam-se irresponsavelmente e pagarão pelos desmando que fazem , mais tarde ou mais cedo.

      Te abraço, Ingrid

      Eliminar
  9. Trabajemos a diario por la paz.
    Besos, querida amiga.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Assim o devemos fazer, querido Pedro...só que os Senhores do Mundo só pensam em si e nos seus interesses!

      Grande abraço

      Eliminar
  10. Guerras y más guerras... desde nuestro origen hasta hoy, y para qué?, para que los ricos se enriquezcan y los pobres las padezcan.

    ResponderEliminar
  11. Embora precise admitir que não conheço em detalhes o quadro, São, devo admitir que inclino-me (e muito!) a concordar com a citação. :) Meu abraço, amiga; boa semana!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Infelizmente, muitas guerras e afins existem porque há quem ganhe muitissimo dinheiro com isso , sem se importar nem com direitos humanos nem como o sofrimento das pessoas.

      Infelizmente, os EUA integram esse grupo.

      Te abraço com amizade, Swami

      Eliminar
  12. Es el momento de entrar en cordura. El neoliberalismo y esa formas que especulan desde la economía con el capital, y mueven las guerras, deben se defenestradas, para alcanzar la armonía y la paz. Un abrazo. Carlos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo: essas formas de exploração devem ser totalmente banidas!

      Te abraço.

      Eliminar
  13. Este cinismo latente, por parte dos Estados Unidos, que fomentam a guerra, depois quais carpideiras, a lamentar as mortes de milhares de Inocentes, mete nojo! Enfim...lamentável.

    Ótima quarta feira, amiga São.

    Beijinhos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lamentável, condenável e abjeto o comportamento dos EUA. Assim como o apoio incondicional que dão a Israel!!!

      Bom resto de semana, Mário, grato abraço.

      Eliminar
  14. Uma zona onde os conflitos são permanentes e não se vê fim à vista.
    Um abraço e continuação de uma boa semana.

    Andarilhar
    Dedais de Francisco e Idalisa
    O prazer dos livros

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Infelizmente, assim é. Vergonhosamente, alimentados por quem só se interessa pelo lucro de vendas de armas.

      Grato abraço, retribuindo

      Eliminar
  15. A Primavera Árabe foi um logro.
    Os Direitos Humanos e a Democracia não são marcas para vender como a coca-cola, mas o cow-boy desenvolveu o gosto pela aventura sem limites. Por todo o mundo foi matando índios para alargar a "sua" pradaria.
    Por outro lado toda a região é uma insustentável teia geopolítica, agravada pela imensa "sabedoria" das potências ocidentais.
    Beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Subscrevo completamente a sua análise.

      A Democracia e os Direitos Humanos além de não serem produtos para venda, são conceitos que o Ocidente só defende quando isso é importante para os seus interesses.

      Abraço e boa semana

      Eliminar
  16. A guerra... serve perfeitamente, às industrias de armamento... situadas nos países que normalmente ficam a assistir aos conflitos, seguindo a política de "não interferir" e que tantas vezes se autonomeiam os defensores do mundo...
    Bush e Bin... consta que seriam grandes amigos!... Tanto é que Bin, nunca foi apanhado, durante a presidência do mesmo...
    A mesma indústria... que faz também andarem aos tiros, no foro privado, os cow-boys dos States, mas a uma escala diferente, quase diariamente...
    Todas as formas de guerra são sempre rentáveis para alguém... Triste mundo este...
    Beijinhos
    Ana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se não leu, recomendo que leia , de Robert Fisk, "A Grande Guerra pela Civilização".

      É um livro que nos agarra, mas impossível ler de um fôlego, dadas as atrocidades relatadas.

      Beijinhos

      Eliminar

Grata pela vinda!

Não saia sem comentar: a sua opinião importa
(-me).

E volte, em paz...

CITAÇÃO : ADORNO, FILÓSOFO ALEMÃO, 1949

 "Escrever poesia depois de Auschwitz é bárbaro e a educação tem como objectivo que se não repita!"