MALTA

MALTA

sábado, 24 de julho de 2010

À FANTASIA



A faca
De ponta aguda
Da dor
Risca
Fundo
E largo
O claríssimo
Cristal
Dos olhos
Lagunares
Do dia
Em que
Foi assassinada
A derradeira
Fada
Escondida
Entre os dedos
D´uma Criança.

SÃO
("Em Ouro Cru")

44 comentários:

  1. Olá São!

    Por ver os nossos sentimentos assim... depauperados e tristes apesar das belas palavras que lhe soubeste emprestar, é que eu me dedico ao futebol que também anda... em baixo mas com a velha verde esperança.

    Beijosssssssss

    ResponderEliminar
  2. Bello, bien escrito y profundo en el corazón..

    Besos,amiga

    ResponderEliminar
  3. Seguindo as palavras, uma a uma, a dor enfurece a esperança escondida.

    Bonita leitura resultado de palavras grandes.

    bj...nho

    ResponderEliminar
  4. nunca se assassina uma fada!
    mais ainda, escondida nos dedos de uma criança...
    é muita maldade...
    fantasiando... docemente/tristemente, xará linda!
    beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Por cá também já andam por aí, à espreita... para matar as últimas fadas ;)

    Bjos

    ResponderEliminar
  6. Embora haja muito tempo, recordo ainda as que me foram tiradas.
    Belo o que aqui li embora portador de tristes recordações.

    Ernesto

    ResponderEliminar
  7. Dolorosa, triste, grande..

    Un abrazo querida Sao

    ResponderEliminar
  8. *
    pontiagudas
    são as tuas palavras,
    nos despertados avisos
    entre os sonhos das crianças !
    ,
    conchinhas, ficam,
    ,
    *

    ResponderEliminar
  9. LInda, até já o futebol me entristece...mas tenhamos esperança

    Uma semana ilone, TITE!

    ResponderEliminar
  10. Muchissimas gracias, estimado RODOLFO.
    Bem hajas!

    ResponderEliminar
  11. Obrigada , companheiro, por gostares.
    Um semana muito boa, SÉRGIO.

    ResponderEliminar
  12. Bem vinda, BÀRBARA.
    A alegria , infelizmente, não abunda...
    Uma semana alegre.

    ResponderEliminar
  13. Minha querida xará, as crianças são sempre as primeiras vítimas...mesmo quando já cronologicamente o não são, não é?
    Uma semana muito boa para ti e para as nossas crianças lindaaas.

    ResponderEliminar
  14. Meu caro, o drama é bem real, sim!
    Boa semana, VIEIRA CALADO.

    ResponderEliminar
  15. Matar as fadas...e quem as apoiar, rrss

    Uma feliz semana, ISA.

    ResponderEliminar
  16. Gosto que tenha gostado!
    Bem haja, ERNESTO.

    ResponderEliminar
  17. Muchas gracias, estimado RICARDO.
    Uma feliz semana.

    ResponderEliminar
  18. A vida não é macia...
    Um grande abraço, amigo POETA.

    ResponderEliminar
  19. Uau! esta é cortante!

    Boa semana!

    bjins

    ResponderEliminar
  20. É como a vida costuma ser...

    Um abraço.

    ResponderEliminar
  21. Olá São, belo texto dramatico...Espectacular....
    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  22. Muito lindo e muito significativo este poema São.

    Nenhuma criança devia alguma vez perder a fantasia da vida...porque é ela que lhe dá a força lhe transmite optimismo para o futuro.

    Beijinhos
    Branca

    ResponderEliminar
  23. Gostaste mesmo, CHANA? Te agradeço muito!
    Bem hajas.

    ResponderEliminar
  24. Minha linda, penso exactamente isso: todos nós deveríamos ter a oportunidade de conservar a magia da infância!

    Bem hajas, BRANCA!

    ResponderEliminar
  25. .

    . arrepiante.mente poético .

    . e tão belo por isso .

    .

    . continuação de uma boa semana .

    .

    . paulo .

    .

    ResponderEliminar
  26. Vindo de quem escreve tão bem como tu, é um tremendo elogio. Que muiiiitoooo te agradeço, amigo.~
    Deixa-me dizer-te que achei o teu post uma lindeza.
    Bem hajas!

    ResponderEliminar
  27. Nada é mais triste que a morte da fantasia...
    Beijos!

    ResponderEliminar
  28. ...embora a distância entre duas pessoas que se gostam também seja dolorosa, como tão bem sabe.

    Beijinhos para si e sua Loba, meu amigo.

    ResponderEliminar
  29. Amiga!!! Que ritmo! Que versos!
    Qualidade no escrever que deixa ver ternura na acção.

    Um abraço de boa amizade

    ResponderEliminar
  30. Gostaste? Que feliz me fazes, carissimo amigo meu!

    Bem hajas!

    ResponderEliminar
  31. Amiga,

    Contundentes versos, mas belíssimos!!! Obrigada por esta partilha. Adorei.

    Beijos, São

    ResponderEliminar
  32. Agradeço imenso a sua generosidade, linda.
    Um abraço grande(também para as suas meninas)

    ResponderEliminar
  33. Excelente, minha amiga! Excelente! Bom resto de semana; fica bem.

    ResponderEliminar
  34. Excelente, minha amiga! Excelente! Bom resto de semana; fica bem.

    ResponderEliminar
  35. Obrigadissiima , meu querido Swami!
    Que a Luz te acompanhe sempre!

    ResponderEliminar
  36. Gostaria de que comentasses a titude do Papa no meu otro blogue, isto é, estou a convidar-te para passares pelo "são".


    Bem hajas, amigo.

    ResponderEliminar
  37. Triste... mas muito belo nas palavras.
    Gostei imenso!
    Beijo.
    Maria

    ResponderEliminar
  38. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  39. Como lhe agradeço, MARIA, a sua amabilidade!
    Bem haja.

    ResponderEliminar
  40. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar

Grata pela vinda!

Não saia sem comentar: a sua opinião importa
(-me).

E volte, em paz...