MALTA

MALTA

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

LUCIDEZ



"Não me sei conformar.
E saio, antes de entrar, de cada paraíso."

MIGUEL  TORGA

NOTA: Tirei a foto( interior da igreja de Nossa Senhora do Porto d´Ave, em Taíde - Póvoa de Lanhoso) em 18/9/2010.

56 comentários:

  1. São,

    que força tem esta frase! E muito para pensar pela profundidade e alcance.

    Carinhoso beijo, amiga. Bom fim de semana!

    ResponderEliminar
  2. Miguel Torga (pseudónimo do médico Adolfo Rocha) é uma das resevas morais de Portugal: nunca se vendeu!

    Um excelente final de semana, amiga

    ResponderEliminar
  3. Amiga,

    Sentou do meu lado...Já vira amigo(a) de infância! Hahahahahaha. Amo as pessoas, animais, a natureza e lugares qualquer que seja, aqui ou fora do Brasil, onde tenho sempre oportunidade de ver e viver tudo isso com muita alegria. Tenho viajado por aqui mesmo, São, visitando a família , revendo e fazendo amigos. Uns não conhecia, outros freqüento há mais de 40 anos ( Sul de Minas Gerais), e é muito especial para mim e importante para o meu bem estar e renovação das energias e extremamente necessário para o meu equilíbrio físico-mental-emocional ( mais ainda do meu marido que trabalha exaustivamente e preciso seqüestrá-lo vez ou outra rsrs).

    Um beijo estalado de bom, amiga!

    ResponderEliminar
  4. Minha querida , posso assinar por baiso: sinto exatamente o mesmo!

    Quanto ao marido , enfim...esse trocou-me por outra há décadas.

    Portanto, acho que fazes muito bem em sequestrar o teu.

    Sejam ambos muito felizes é o voto que embrulho no meu abraço para vós.

    ResponderEliminar
  5. Um frase que nos obriga a meditar...
    Bom fim de semana.
    Bjs

    ResponderEliminar
  6. E bem precisamos de reflectir seriamente, não é?
    Abraço.

    ResponderEliminar
  7. Mas depois de hoje ter ouvido os políticos, vou mesmo ter de me conformar.
    É que o exército dos, "de armas na mão", ainda não é uma realidade palpável.
    Só a tiro é que tiramos estes tiranos (penso eu!!!)

    Um bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  8. Meu caro, mas ainda tem dúvidas?!

    A Primeira Guerra Mundial está para masi breve do que aquilo que muita gente pensa.

    Uma noite serena.

    ResponderEliminar
  9. muito profundo!
    lembrei do voto de coerência!

    ResponderEliminar
  10. Bem vinda!
    Torga não sabia ser superficial.
    Tudo de bom.

    ResponderEliminar
  11. Que frase! E que foto! Excelente o conjunto!

    ResponderEliminar
  12. Que bom vê-la aqui de novo.

    Obrigada , minha querida.

    Um abraço bem grande.

    ResponderEliminar
  13. Säo, moltes gràcies pel teu comentari en el meu bloc.
    Um abraço catalâo.

    Salvador (M.Paumarch).

    ResponderEliminar
  14. SUBSCREVO ESSA FRASE ...CONFORMAR-SE JAMAIS..MAIS VALE APEAR-SE NA ESTAÇÃO ANTERIOR...QUANDO AINDA SE SUSPEITA...E ESSAS SUSPEITAS SÃO REALISTAS,VERDADEIRAS...QUANDO É BECO SEM SAÍDA...NÃO VALE A PENA AGONIZAR DIANTE DE UMA PAREDE...
    NINGUÉM É FELIZ ASSIM...

    GOSTEI DA FOTO...MUITO BOA!

    GRATA PELAS DICAS,VOU TENTAR ALTERAR

    ResponderEliminar
  15. o grande Torga...


    e gosto de ver as fotos que vão mudando no perfil.

    ResponderEliminar
  16. Muito linda a igreja e quanto á frase... prefiro a conformidade pra não perder as belezas do paraíso rsss
    Beijos e um ótimo fim de semana pra todos!

    ResponderEliminar
  17. Buenos dias Säo, no acabo de comprender bien la frase, el traductor no me aclara los conceptos, disculpa mi poca intuicion, viendo la foto, (muy buena por cierto), y pensando en paraisos, ese lo considero un tanto ostentoso, un paraiso muy particular, tambien gustamos de visitar Iglesias y fotografiarlas por dentro, en ellas hay trabajos artesanales muy inrteresantes.
    De Adolfo Correia da Rocha, despues de informarme, reconozco que fue mas literato que medico, eso le ocasiono problemas de censura en aquellos tiempos.
    Buen fin de semana, cara amiga.
    Beijos.
    Jesus

    ResponderEliminar
  18. SALVADOR, bem vindo!
    Espero que voltes muitas vezes aqui.
    Petons.

    ResponderEliminar
  19. PEDRAS NUAS: Também acho que estar a agonizar sem sequer dar luta, por acomodação, é muito mau.

    Um abraço

    ResponderEliminar
  20. Torga é exemplar, penso.
    Obrigada por isso.
    Boa semana, AUGUSTO.

    ResponderEliminar
  21. OLá, CIGANA!
    Embora ateu, era aos paraísos terrenos prometidos pela classe política que o extraordinário Miguel Torga se referia.

    Um abraço.

    ResponderEliminar
  22. Amigo JESUS, o que Adolfo Rocha quis dizer é que sempre se manteve de pensamento livre e não embarcou em soluções milagrosas prometidas pelos sistemas políticos

    Besos para ti e ENcarna.

    ResponderEliminar
  23. Tão significativa esta frase, que é incomentável. Sabias que nem às editoras ele se rendia? Li algures que publicou sempre os seus próprtios livros. Os "paraísos" são enganadores e ele sabia-o tão bem, na sua imensa sabedoria.
    Beijinhos
    Branca

    ResponderEliminar
  24. As pessoas não podem se conformar...
    elas devem sempre e sempre...irem em busca daquilo que é melhor, sem prejudicar os outros...alta profundidade na frase nobre amigo, adoro vir aqui, seu carisma é incrível. Adorei a igreja também :)

    Grandes abraços, para sempre amigo

    Dan

    ResponderEliminar
  25. Bela frase...bela fotografia...Espectacular....
    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  26. é isso mesmo, xará minha,
    quantas vezes já estou de saída, mesmo sem ter entrado!
    beijinhos, irmã-do-coração

    ResponderEliminar
  27. Bela foto, São! Torna ainda mais presente o sentido da frase. :) Boa semana, fica bem.

    ResponderEliminar
  28. Olá, BRANCA!
    DEsconhecia esse pormenor. Mas não me surpreende.
    Torga e Alexandre Herculano são , para mim, dois exemplos de verticalidadea, coerência e honestidade. Que falta fazem pessoas assim actualmente, não é?

    Um abraço grande .

    ResponderEliminar
  29. Amigo DAN, agrdeço e retribuo o apreço. E folgo que estejamos em sintonia quanto a muita coisa sobre que reflectimos.
    Bem haja!

    ResponderEliminar
  30. Obrigada, vindo do excelnte fotógrafo que és é um saboroso elogio! E Torga é sempre exemplar.
    Uma boa semana.

    ResponderEliminar
  31. MINHA queerida mana, pis foi por também me identificar com a frase que a coloquei, sabes?

    Um abraço fraterno, linda xará.

    ResponderEliminar
  32. Te agradeço, querido SWAMI.
    Bem hajas, amigo.

    ResponderEliminar
  33. Espero que por aí não vão à missa de capacete!!!
    Vou aceder em breve ao seu pedido, mas devo-lhe uma explicação. Como deixei de moderar os comentários,os caracteres tinham por objectivo evitar a entrada de spam.
    Agora que estou de regresso, voltarei a moderar os comentários,eliminando assim os caracteres.

    ResponderEliminar
  34. Sãozitamiga

    O nosso Torga mexe comigo. Tive a oportunidade, a honra e o prazer de o conhecer e com ele conversar umas quantas vezes, bem como à Cabré.

    Foi uma escolha excelente para sublinhar a foto de tua autoria. Um blogue muito bom, este teu.

    Tenho vindo a acompanhá-lo por via de blogueiros que são nossos Amigos comuns. Hoje, decidi-me pelo comentário.

    Espero que me pagues na mesma moeda. A minha Travessa não morde e (ainda) não se paga imposto para lá ir. Mas, pelo andar da carruagem...

    Qjs = queijinhos = beijinhos

    ResponderEliminar
  35. São, una foto excelente, sendo dum interior. O sitio mereceu, quanta beleza! É uma pena que não a tenhas feito de frente. Parabéns.

    Um grande abraço, querida amiga

    ResponderEliminar
  36. Foto magnífica que ilustra um pensamento profundo!

    Deixo um beijo e duas palavras.


    "Teci com fios de luz
    O manto que te dei
    Para te abraçar
    Cada vez
    Todas as vezes
    Que te lembrares de mim."

    Maria José Areal

    ResponderEliminar
  37. Bem regressado seja , CARLOS.
    Agradecida pela retirada e também pela explicação das letras, que detesto.
    Capacetes? Mas foi por solidariedade com os mineiros ou só protesto?
    Noite sem pesadelos lhe desejo.

    ResponderEliminar
  38. Boa noite! Já manhã dentro!

    Vim só dizer-lhe que concordo plenamente.
    Lobo Antunes é, para mim, ilegível, é muitíssimo inconveniente, sim! Um pedante arrogante!

    Obrigada
    Beijo

    ResponderEliminar
  39. Ora bem vindo, Henrique!

    Eu como sigo a Travessa, sei o que lá acontece, mas não comento muito, não.
    Acho que ambos devemos emendar a mão, não?

    Obrigada pelo apreço, que é retribuído.

    Um dia bem agradável desejo.

    ResponderEliminar
  40. Uma linda Igreja !
    Uma frase muito interessante e de grande significado !
    Já visitei a casa de Miguel Torga em Coimbra , que está cheia de muitas recordações do médico e escrito-Adolfo Rocha/ Miguel Torga

    ResponderEliminar
  41. DUARTE, meu amigo, obrigada por gostares. Tenho uma de frente, mas -como já tenho dito - eu viajo integrada em grupos e é-me sempre muito dificil escolher os melhores ãngulos para fotografar. Além disso, não possuo técnica alguma de fotografia: é só intuição e sentido estético , nada mais.

    Uma serena noite.

    ResponderEliminar
  42. Obrigada por gostar e por me dar a conhecer Maria José.
    Uma boa noite, NÀ.

    ResponderEliminar
  43. Bem vinda, HÉLIA!
    Infelizmnete, nunca visitei nem a casa nem a terra de Torga, mas já li a sua obra quase toda.
    Até sempre.

    ResponderEliminar
  44. Olá, FERNANDA!

    Se gostava de si, mais gosto agora por essa sintonia de apreciação acerca daquele criatura asquerosa péssimo escritor!!

    Bem haja!

    ResponderEliminar
  45. Olá, GATO!

    E os azulejos? Eu acho-os bem bonitos!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  46. Oa inconformistas são assim...a sua busca é incessante!

    Beijos.

    ResponderEliminar
  47. Eu aprecio muito quem não se conforma, quem não desite, quem resiste!

    Beijos.

    ResponderEliminar
  48. No outro blog "nicles", não consigo entrar.
    Talvez até seja bom ... para dizer, ou melhor, escrever"alarvices" é melhor ficar calado ou com a mão no rato.

    ResponderEliminar
  49. São. Estou pensando nessa frase até agora. Ainda não tenho o que comentar. Ela me tocou profundamente, mas não sei explicar exatamente como. Grande abraço e obrigada por sua visita ao Arca.

    ResponderEliminar
  50. Vá tentando, sempre!

    E alrviaddaes não creio que seja capaz de dizer, rrs

    Fique bem, caro JOSÉ.

    ResponderEliminar
  51. O melhor agradecimento é dar-me o gosto de vir até aqui.

    Que bom o grande Torga a ter tocado assim, MARIA JOSÉ!

    Um abraço amigo.

    ResponderEliminar
  52. Agora, clicando no link que me deixou no comentário, já estou no átrio da igreja.
    Gosto de monumentos (muito) e como neste não há ladainhas (rsrsrs).
    Já disse que sou imortal.
    Não vou deixar de aparecer por aqui, nem que seja por uma "moedinha".
    Bem, vou tentar parar o relógio ...

    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  53. Fico grata e contente

    Bem haja, caro amigo!

    ResponderEliminar
  54. Infelizmente muitos de nós só falamos porque ouvimos dizer ou inventamos. Eu já li alguns desses livros. A podridão do poder , quer eclesiástico, quer da nobreza quer da política é um mundo vergonhoso, indigno do ser humano. Então do clero, nem quero falar. Basta a célebre frase :-Faz o que eu digo e, não faças o que eu faço. Diz tudo.
    Mudando de assunto.
    Quanto aos dióspiros, certamente que os comeu sem estarem devidamente maduros. Se assim foi,´são bastante desagradáveis. Há uma imensa variedade dos mesmos, então no Brasil , vou-te contá...
    Abraço de amizade e, bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  55. Pois, me disseram que talvez estivessem demasiado verdes...

    De livros , ainda irei falar de uma em particular: "Na Cova dos Leões", acerca da mistificação da senhora e dos pastorinhos.

    Uma boa semana.

    ResponderEliminar

Grata pela vinda!

Não saia sem comentar: a sua opinião importa
(-me).

E volte, em paz...