MALTA

MALTA

quinta-feira, 21 de junho de 2012

PROFESSOR ANTÓNIO NÓVOA ,LÚCIDO E FRONTAL



Não deixem de ouvir e de reparar nas caras de quem detém o Poder.

20 comentários:

  1. Um intelectual não é o que veste bem, mas sim aquele que se expressa com lucidez, e para isso é preciso coerência.
    Um grande abraço, querida amiga

    ResponderEliminar
  2. excelente...
    necessitamos de discursos e ações muito coerentes...
    mas já perdi a esperança...

    abrazo serrano

    ResponderEliminar
  3. Sem dúvida.

    infelizmente, em Portugal ainda se vai muito pela aparência em detrimento da substância...

    Querido DUARTE, abraço forte te deixo.

    ResponderEliminar
  4. Bem vindo, MIXTU!

    Nóvoa está nesse caso.

    Por favor, não entres em desespero, que não leva a lado nenhum...e tu és muito novo ainda, meu amigo.

    Abraço grande.

    ResponderEliminar
  5. Concordo com o que já disseram aqui "excelente"...existem pessoas que nos tocam profundamente.
    O que disseste? Em Portugal ainda se "olha mais a aparência?
    Meu pai me dizia assim: que os portugueses eram mais "civilizados e aqui no Brasil somos meio índios, ele dizia que achava graça as pessoas andarem descalças e ficarem mais à vontade...(?) Mas é claro de lá pra cá muita coisa mudou;
    discurso coerente e "não devem NUNCA perder a esperança*.
    Ontem a Seleção" de Portugal me deu uma grande alegria* ; foi muito bom! Amo vocês!

    beijinhos Mery*
    Olha, só existe uma Mery*do Rio de Janeiro. se fores num outro blog ("Anjígua é fake, sabes?

    ResponderEliminar
  6. Muito bom. O meu mario tamnbém colocou no Blog ele:
    omocho.info

    Bj

    ResponderEliminar
  7. Olá!

    Bom fim de semana!
    Beijinhos.
    Brasil.
    ¸¸.º°❤♫♫♪¸¸.°
    °º✿⊱╮

    ResponderEliminar
  8. Querida amiga hoje eu vim agradecer o carinho de sua presença no meu cantinho, assim que poder virei com mais calma.
    Um abençoado fim de semana.
    Abraço amigo
    Maria Alice

    ResponderEliminar
  9. *
    SÃO
    ,
    amiga,
    ,
    escutei o discurso do Professor,
    sobressaiu de todo o simbolismo ...
    horas passadas, troquei impressões
    com o meu filho, doutorado em
    economia, entre outras coisas,
    e alem das profissionais, como
    todos os seus colegas dos números,
    são insensíveis, não sonham.
    e não acreditam num balão colorido,
    porém fui surpreendido, na forma
    como comentou o Professor,
    sabes, a metáfora do Professor,
    que eu admiro, “ou nos salvamos ou
    ninguém nos salva” dá um crédito
    fantástico, ao sacrifício que nos
    atinge como cidadãos, que o Povo
    ouça as suas realísticas ideias !
    ,
    estimadas conchinhas.
    deixo,
    *

    ResponderEliminar
  10. Minha amiga passei de corridinha só para desejar um excelente domingo.
    Beijinhos
    Maria

    ResponderEliminar
  11. .

    .

    . é tudo tão claro . quanto escuro . e persiste.se . na densa escuridade .

    .

    . um bom domingo .

    .

    . um beijo meu .

    .

    .

    ResponderEliminar
  12. Infelizmente, há quem se sinta muito bem na escuridão...

    Um abraço amigo.

    ResponderEliminar
  13. O meu grato abraço, MARIA.

    Mas tente ver o vídeo:Vale a pena!

    Boa semana.

    ResponderEliminar
  14. Querido ZÉ POETA , espantada estou em como um filho teu não herdasse um pouco (sempre muito seria) da tua sensibilidade!!

    Um abraço com sabor a mar te ofereço

    ResponderEliminar
  15. No meu grato beijo, retribuo seu carinho, MARIA ALICE!

    ResponderEliminar
  16. O meu grato abraço e retribuição de seus votos, linda INÊS.

    ResponderEliminar
  17. Fico contente por essa opinião comum acerca de um discurso tão importante como este.

    Uma boa semana, ISABELINHA.

    ResponderEliminar
  18. O meu grato cumprimento, LOPESCA, com desejo de boa semana

    ResponderEliminar
  19. Pois, minha amiga, eu já percebera que alguma coisa não estava bem com ese blogue, sabes?

    Quanrto a Nóvoa . pena que não seja ele o minsitro da Educação em vez de Nuno Crato!!

    Um apertado e grato abraço pela tua enorme simpatia, meu bem.

    ResponderEliminar

Grata pela vinda!

Não saia sem comentar: a sua opinião importa
(-me).

E volte, em paz...