MALTA

MALTA

sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

E agora José - Carlos Drummond de Andrade


34 comentários:

  1. Se você gritasse,
    se você gemesse,
    se você tocasse,
    a valsa vienense,
    se você dormisse,
    se você cansasse,
    se você morresse...
    Mas você não morre,
    você é duro, José!

    Sozinho no escuro
    qual bicho-do-mato,
    sem teogonia,
    sem parede nua
    para se encostar,
    sem cavalo preto
    que fuja do galope,
    você marcha, José!
    José, para onde?

    Um poema fabuloso!!

    BFDS!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Neste momento a "peste grisalha" marcha para sobreviver e , ainda, lutar porque a isso a obrigam!!

      E tem razão: o poema é fabuloso!

      Bom fim de semana também

      Eliminar
  2. Bom dia

    Adorei

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/
    Beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem vinda!

      Quando tiver a minha idade ( e mais ainda) ficará emocionada...

      Abraços

      Eliminar
  3. Sempre bom ver novamente!!!beijos praianos,chica

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tudo o que é de qualidade , nunca cansa, né?

      Bom final de semana

      Eliminar
  4. Dizia os primeiros versos deste poema muitas vezes a um grande amigo chamado José ao lado do qual e de outro José travei muitas lutas que valeram a pena!

    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Minha linda, pois me parece que vais ter que recitar de novo e , se calhar, o poema todo.

      Vou agora ver quanto me sobrou do saque...se é que já depositaram.

      Beijinho

      Eliminar
  5. Um poema que já o decoramos, por outras palavras , tendo o mesmo sentido!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  6. Respostas
    1. E , nesta altura, tão real em Portugal: que maçada a "peste grisalha" não morrer de vez!

      Bom final de semana

      Eliminar
  7. Comoveste-me, querida São.

    E agora, pérola?

    beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agora, lindinha, temos que seguir em frente , porque só assim se faz o Caminho!


      Abraço grande, grande.

      Eliminar
  8. Sim, sem dúvida...e com uma enorme sensobilidade, como aqui está demonstrado.

    Bem haja, Lino

    ResponderEliminar
  9. Quanta sensibilidade no recitar…
    Abraços, querida amiga

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sente-se-lhe na voz que sabe do que fala, não é?

      Querido amigo, que tenhas bom resto de fim de semana

      Eliminar
    2. Não só é o que se escreve, é aquilo que se sente. Recitado, então!!!… sinfonia completa.
      Aquele abraço amigo

      Eliminar
    3. Também sinto assim: a pessoa tem que ter alma no que faz e diz, caso contrário é só técnica e isso não chega..

      Abraço apertado e boa semana, meu amigo

      Eliminar
  10. lindo!!!!
    ps:andava eu a ver a blogosfera portuguesa de certa forma “apaixonada pela poesia” e voilá… uma boa surpresa!! obrigada pela partilha!!
    Patrícia*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem vinda!

      Me agrada que tenha gostado, rrss

      Um abraço até à volta.

      Eliminar
  11. Minha querida

    Como eu gostava de recitar assim. Um poema poderoso mesmo. Adorei e deixo um beijinho com carinho.
    Sonhadora

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Posso assinar por baixo esse desejo?

      Um abraço grande, grande, rrss

      Eliminar
  12. Poeta e poesia...um nome inesquecivel, podes crer.

    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Creio mesmo, por isso achei que o deveria colocar, rrss

      Bom domingo.

      Eliminar
  13. Oi oi Sãozinha!! Adorei o video,esse senhor tem uma voz maravilhosa e o poema é muito belo!! Adorei a postagem. Desejo-te um excelente domingo e tambem votos de uma excelente semana!! Muitos beijinhos,fica com deus e até breve!! http://musiquinhasdajoaninha.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sê bem vinda, linda!

      Vocês, no Brasil , têm uma maneira muito suave de pronúncia do português...e este vosso poeta , além de escrever muito bem, declama excelentemente.

      Deus te proteja, rrss

      Eliminar
  14. Oi querida,
    Amado Carlos Drummond de Andrade!
    Quanta falta nos faz!
    Bom Domingo
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  15. Que bom ter gostado!

    Bom resto de domingo

    ResponderEliminar
  16. E agora? É pergunta que se faz quando ainda há caminho para andar. É preciso uma resposta urgente.

    Um beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo: há urgência no rumo!

      Mais tarde ou mais cedo, algo acontecerá, pois a situação torna-se cada vez mais insustentável,

      Abraços

      Eliminar
  17. Drummond de Andrade é imortal. E ainda por cima a gente entende o que ele diz!
    Beijinho São

    P.S. - É sim, é o actor Júlio César, amigo de há 50 anos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É bom quando se percebe o que as pessoas recitam ou cantam ou representam.

      Lembras-te de Maria de Lurdes Resende, cuja clareza de dicção era espantosa a par de um belíssima voz?Não sei o que lhe aconteceu...

      Se te não importas dás o meu preito de admiração ao teu amigo Júlio e, também, votos de melhoras.

      Quanto a ti um grande abraço, desejando rápida e total recuperação, rrrss

      Eliminar

Grata pela vinda!

Não saia sem comentar: a sua opinião importa
(-me).

E volte, em paz...