MALTA

MALTA

terça-feira, 1 de outubro de 2013

DIA INTERNACIONAL DO IDOSO

Para quem viveu dignamente e merece  respeito...
 
Para quem , ainda hoje, é suporte da família...
 
Para quem sofre injustamente de abandono e solidão...
 
Para quem está a sofrer perda de direitos e cortes nas pensões para que descontou toda a vida...
 
Para quem o Poder designa por "peste grisalha" e acusa de estar a viver à custa da próxima geração e a roubar-lhes o trabalho...
 
 
A MINHA SINCERA HOMENAGEM!!
 
 

20 comentários:

  1. E a minha.
    Um abraço e rudo de bom para si.

    ResponderEliminar
  2. Grato e prolongado abraço, amiga.

    ResponderEliminar
  3. E que todos tenham um bom dia.

    Querida São, farei o mesmo!

    Beijinho.

    ResponderEliminar
  4. Obrigada.

    Abraço para si, ma belle

    ResponderEliminar
  5. Ola,temos que prestigiar bastante o "dia do Idoso" pois lá chegaremos um dia........Meu grande abraço .SU

    ResponderEliminar
  6. A "manela" avinagrada colocou a fasquia nos 70 e o governo passou-a para os 55!
    Abraço

    ResponderEliminar
  7. Pues eso.
    Buen día para toda la gente mayor.

    ResponderEliminar
  8. Eu já lá estou, minha querida, rrss


    Beijinhos, SU!

    ResponderEliminar
  9. Vamos de vento em popa neste nosso país, LINO!

    Fique bem

    ResponderEliminar
  10. Muchas gracias, rrss

    Bem hajas, TORO!

    ResponderEliminar
  11. Um dia que devia ser o ano inteiro!

    Para o ano, serei oficialmente idosa...os cortes já sofri e continuarei a tê-los. Espero não acabar num "campo de concentração"!

    Somos uma classe a abater!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  12. Subscrevo o teu comentário, já que completei 64 anos em 22-9-2013.

    Está a ser indecoroso o que o Governo está fazendo às pessoas mais velhas!!

    Bons sonhos

    ResponderEliminar
  13. Deixo uma lágrima de emoção.
    Bem-hajas Sãozita.

    beijinho e uma flor

    tenho estado afastada da net, espero recuperar forças para voltar.

    ResponderEliminar
  14. Minha querida, não te deixes desanimar.

    Te abraço como muita força , para te dar muita coragem e estima, Adelinha.

    ResponderEliminar
  15. Homenaje bien merecido. Me sumo.
    Un beso, querida amiga.

    ResponderEliminar
  16. Muchissimas gracias, amigo mio.

    Grande abraço.

    ResponderEliminar
  17. Abraço muito grato, Laura.

    Bem hajas!

    ResponderEliminar
  18. Ainda hoje me aborreci com uma amiga, porque a família meteu a avó num lar. Enfim, isto dava pano para mangas..
    Beijocas ;)

    ResponderEliminar
  19. Eu sempre disse que a minha intenção era a de nunca colocar ninguém de família num Lar, porque considero uma violência retirar a pessoa da sua casa e pô-la a viver num sítio estranho, com pessoas estranhas , esperando a morte.

    Infelizmente, e dadas as circunstâncias criadas pela própria e que -ainda assim - suportei durante anos, fui obrigada mesmo a pôr a minha mãe num Lar.

    Mas tive o cuidado de escolher um com a máxima qualidade , até porque tinha colegas que trabalhavam na área dos lucrativos e uma delas tinha lá também a mãe.

    Como certamente reparou, utilizei i termo "injustamente" porque se há pessoas idosas agredidas também existem pessoas idosas agressoras. Que é um tema nunca focado.

    Um abraço

    ResponderEliminar

Grata pela vinda!

Não saia sem comentar: a sua opinião importa
(-me).

E volte, em paz...