MALTA

MALTA

sexta-feira, 11 de outubro de 2013

EDITH PIAF, EM MEMÓRIA.


18 comentários:

  1. Linda lembrança e homenagem! beijos,boa noite! chica

    ResponderEliminar
  2. Bonita homenagem Sãozita.

    Nasci no dia e mês dela.

    beijinho e uma flor

    ResponderEliminar
  3. Uma voz eterna e única.
    Que nunca que esquece.
    BFDS!!

    ResponderEliminar
  4. Uma pena a vida dela, uma pena que o êxito nunca tivesse conseguido apagar um terrível passado.

    Bom final de semana, CHICA

    ResponderEliminar
  5. Ah, que interessante,

    Mas , felizmente, estás viva e com a tua vida resolvida...coisa que ela nunca conseguiu.

    Abraços grandes, ADELINHA

    ResponderEliminar
  6. Sim, uma voz muito característica e excelente intérprete de canções inesquecíveis.

    Bom, final de semana, PEDRO

    ResponderEliminar
  7. Recomiendo esta película:

    http://www.filmaffinity.com/es/film228749.html

    Besos.

    ResponderEliminar
  8. Te agradeço a recomendação,rrss


    Bom final de semana

    ResponderEliminar
  9. °º✿✿°•.¸

    Hoje é um dia muito especial no Brasil, então passei para te desejar:

    FELIZ DIA DAS CRIANÇAS!!!

    Bom fim de semana, repleto de alegrias e saúde!!! ¸.•°♡彡
    Beijinhos ¸.°º✿♫ •°
    Brasil°º✿✿

    ResponderEliminar
  10. Num grato abraço, retribuo esse amável voto, linda!

    ResponderEliminar
  11. Uma poderosa voz que engrandece a fragilidade de uma mulher. Obrigada pela memória :-)

    ResponderEliminar
  12. Sim, Piaff naquele corpo minúsculo, albergava uma enorme força e uma voz incrível

    Bons sonhos

    ResponderEliminar
  13. A vida dela foi dura na terra mas ela a viveu plenamente !
    Agora repouse em paz e para quem acredita está na Luz, não aquela da ribalta mas de Deus.
    Obrigada pela tua visita, São !
    Beijinhos da Verdinha

    ResponderEliminar
  14. Ma chérie, que bom ver-te por aqui!

    Espero que sim, que esteja finalmente em paz...já que a vida terrena lhe foi tão dura.

    Deus te abençoe, amie

    ResponderEliminar
  15. Gosto tanto, especialmente do "Rien de rien"! Cantava com sentimento e sofrimento. Como ela, em registos diferentes, tivemos, por exemplo, Cesária Évora e Amy Winehouse: a mesma solidão cantada.
    Beijocas ;)

    ResponderEliminar
  16. Sim, acrescentando eu o nome de Amália Rodrigues.

    Geralmente, estas pessoas são muito infelizes: parece que têm que pagar um preço pela diferença que as distingue.

    Beijinhos

    ResponderEliminar

Grata pela vinda!

Não saia sem comentar: a sua opinião importa
(-me).

E volte, em paz...