quarta-feira, 5 de agosto de 2020

POESIA - JOÃO FERREIRA ROSA : "TRISTE SORTE"

TRISTE SORTE

Ando na vida à procura
de uma noite menos escura
que traga o luar do céu
de uma noite menos fria
em que não sinta a agonia
de um dia a mais que morreu.

Vou cantando amargurado
mais um fado e outro fado
que falam de um fado meu,
meu destino assim cantado
jamais pode ser mudado
porque do fado sou eu.

Ser fadista é triste sorte
que nos faz pensar na morte
e em tudo que em nós morreu,
andar na vida à procura
de uma noite menos escura
que traga o luar do céu.

18 comentários:

  1. Respostas
    1. Náo consigo comentar no seu blogue, infelizmente


      Grato abraço, bom fim de semana :)

      Eliminar
  2. Grande poema! Pode fazer-se uma boa reflexão!!
    ***
    Ciclos constantes ...

    Beijo e um excelente Dia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso mesmo:podemos reflectir muito!

      Beijinho e bom fim de semana

      Eliminar
  3. Um fadista que conheci pessoalmente. E muito bem. Um enorme interprete do fado que nunca quis ser profissional.
    .
    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Essa recusa fez com que eu o admirasse ainda mais.

      Embora fosse muitas vezes em trabalho a Alcochete , onde ele morava, nunca o vi.

      Bom fim de semana e abraços

      Eliminar
  4. Respostas
    1. Triste, sim, mas a tristeza está incluída na Vida...


      Bom fim de semana prolongado, Pedro :)

      Eliminar
  5. Respostas
    1. A tristeza vem incluída quando se nasce...

      Beijinho, bom fim de semana :)

      Eliminar
  6. Un poema de melancolía, pero hermoso.
    Feliz semana, querida amiga.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É a letra de um fado....


      Meu querido amigo, que tenhas boas férias e excelente fim de semana.

      Besos

      Eliminar
  7. Um belo Fado que, como a maioria dos Poemas o "fazem", faz estremecer o sentimento.

    Beijo
    SOL

    ResponderEliminar
  8. Respostas
    1. Folgo que tenha gostado.

      Abraço, bom fim de semana :)

      Eliminar
  9. Um belíssimo, sentido e inspirado poema, São!
    Adorei ler! Beijinho
    Ana

    ResponderEliminar

Grata pela vinda!

Não saia sem comentar: a sua opinião importa
(-me).

E volte, em paz...

AMÉLIA DOS OLHOS TRISTES

 Amélia tinha 16 anos e decidiu deixar a vida.  Tinha depressão , causada ou agravada por estes complicados tempos de pandemia, presumo. Est...