REINO INDEPENTENDE DO PINEAL

 Estou siderada!

Descobri , através da comunicação social, que , numa propriedade da zona de Coimbra comprada há anos por um jogador africano  naturalizado num país nórdico,  se instalou uma seita , cujo guru proclamou o espaço como Reino Independente do Pineal.

E , como rei absoluto  "cumprindo a vontade de Deus",  não permite  nem a entrada dos órgãos de comunicação nem a da Comissão de Protecção de Crianças e Jovens ( CPCJ).

Aliás, o "enviado de Deus " nem sequer sabe ser a CPCJ um organismo oficial e repete não ter  feito  "nenhum contrato com ela ."

Esta situação totalmente absurda veio a lume  , porque  um casal quer a tutela da neta nascida no "Reino " e que, tal como todas as outras, não foi nem registada nem é seguida no Centro de Saúde. Sabe-se também da morte de um dos filhos do guru , que foi cremado e cujas  cinzas foram lançadas ao  Mondego.

Ora o que me espanta é a apatia das autoridades locais ,pois é impossível não terem conhecimento da situação .

Não sou contra a vinda de estrangeiros, mas defendo o restrito cumprimento das leis portuguesas!

E temo que não seja a única seita instalada calmamente em Portugal como se estivesse acima de tudo, pois há anos  também se descobriu nas serranias algarvias um outro  grupo guiado por um alemão condenado no seu país por crimes sexuais.

Não deixa de ser interessante e inquietante que estes gurus tenham  sempre uma intensa actividade sexual e poligâmica.

Esperemos o que decide  o Estado português ; tem  que tomar  sérias e urgentes medidas para acabar com este disparate e reenviar os elementos da seita para os respectivos países !!


Comentários

  1. Pione Sisto.
    Sempre foi avariado da pinha.
    Normalmente estas seitas são desculpas esfarrapadas para todo o tipo de perversões.
    Oliveira do Hospital merecia bem melhor que isto.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Totalmente de acordo : a conotação religiosa serve de disfarce para muita maldade .Aliás, como se vê na própria ICAR.

      Nunca ouvira falar em Pione Sisto.... E, já agora, porque motivo comprou em Portugal ?! Deveria ter comprado no país de origem ou no de nacionalidade!!

      Eliminar
  2. VERGONHOSO. Como é possível permitir-se isto em Portugal. Estrangeiros sim. Criminosos não.
    Cumprimentos poéticos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tem razão : estrangeiros , sim.... mas que respeitem Portugal e a sua legislação.

      Saudações cordiais.

      Eliminar
  3. Faz-me alguma confusão o conceito de "seita" porque das que temos conhecimento e que vem a público, as notícias não são boas!... Mas, há sempre um MAS quando não sei bem o que fazer por falta de conhecimento! Bj

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Considero seita quando existe uma base religiosa, como é o caso. Aliás, as frases entre comas são do próprio chefe do dito "Reino " que ouvi na televisão.

      No entanto, não é a designação o mais importante .

      Inadmissível é vir para um país e declarar uma parte dele sua propriedade , proclamando independência !!

      Que absurdo é este?! Que falta de respeito é esta?! E que , pior ainda, é esta apatia por parte das autoridades .portuguesas?!

      Abraço

      Eliminar
  4. Uy da miedo y no se puede creer a lo que llegan las personas. Te mando un beso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estamos em tempos complicados em que todos os absurdos aparecem...

      Besos

      Eliminar
  5. De facto não se compreende a atitude e o comportamento do ESTADO PORTUGUÊS perante esta absurda realidade. De existir uma seita, uma organização, um grupo, chamem-lhe o que quiserem, de caráter religioso ou similar, que se achar acima da lei, e se intitula de REINO INDEPENTE, dentro de outro país!? Isso é um completo absurdo!
    Em que país e ano vivemos? Para que estes absurdos ainda existam?

    Vivemos no mundo das trevas, onde se acredita em tudo e mais alguma coisa, em nome dos ditos DEUSES!? Parece que sim.
    Como dizes e bem amiga São, estou igualmente siderado!

    Continuação de boa semana, com muita saúde e paz.
    Beijinhos com carinho e amizade.

    Mário Margaride

    http://poesiaaquiesta.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A tua perplexidade e indignação , partilho-as completamente.

      É uma situação completamente surreal , esta de alguém vir para um país estrangeiro e proclamar independente uma parte do território , porque se declara "enviado de Deus ".

      E o Estado português continua calmo e sereno ?! Está tudo desequilibrado!!

      Caro amigo, te abraço com estima, bom resto de mês.

      Eliminar
  6. Estas gentes que se escudan en sectas religiosas, por lo regular reclutan parciales para la explotación económica o sexual. Atrás queda el interés espiritual
    Un abrazo. Carlos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Penso como tu :

      A espiritualidade é o que menos lhes interessa , é tão só um pretexto para coisas muitos feias.

      Infelizmente, não tenho acesso ao teu blog.

      Abraço, bom fim de Julho.

      Eliminar
  7. Realmente. É mesmo um absurdo... Nem sei que diga :)
    .
    Por cá...
    .
    Beijos e uma boa noite!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mesmo, ficamos sem palavras...

      Ci, tudo a correr bem por aí e o meu solidário abraço !

      Eliminar
  8. Eu li o primeiro post, mas pela relevância e choque deste...comento aqui!
    Tenho seguido este assunto e considero-o demasiado grave. Detritos de sociedades que não podemos imitar! Hoje mesmo vi que a GNR foi ao local e não entrou...
    Abraço. São

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A GNR não entrou?!

      Ensandeceu tudo?!

      Estou sem palavras !!!

      Beijinho, minha amiga, tido a correr pelo melhor.

      Eliminar
  9. Já não havia cá malucos reinadios que nos chegassem...
    Por mim, este Rei ia já reinar para a terra dele... e o séquito... que o seguisse...
    Acho tudo isto um perfeito absurdo... mas como é que as autoridades de Oliveira do Hospital não denunciaram tudo isto, há bem mais tempo, é que eu não entendo!... Às vezes, penso que não podemos reclamar do que permitimos... Enfim! Este mundo anda cada vez mais tonto e perdido...
    Beijinhos
    Ana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, partilho o seu espanto e as suas opiniões.

      Beijinho, Ana.

      Eliminar

Enviar um comentário

Grata pela vinda!

Não saia sem comentar: a sua opinião importa
(-me).

E volte, em paz...

Mensagens populares deste blogue

CITAÇÃO - ÉSQUILO