terça-feira, 31 de agosto de 2021

CITAÇÃO : VASCO MAGALHÃES , PADRE JESUÍTA (8/2021)

 " Não há nada mais diferente do que o homem e a mulher. A mulher está a perder a sua feminilidade. Ainda não somos a Família que Paulo queria. Portanto, o seu texto sobre a submissão da mulher ao homem pode ser lido na missa, mas contextualizado.


A Igreja é um mistério. O sacerdócio  masculino tornou-se poder e o sacerdócio feminino quer ser igual ao masculino."

24 comentários:

  1. No soy creyente.
    Visto desde fuera creo que la iglesia católica tiene mucho que evolucionar.

    Besos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A igreja católica parou no tempo e continua, por exemplo, com um olhar completamente enviesado sobe o sexo feminino.

      Besos, amigo mio

      Eliminar
  2. Só é preciso saber que tipo de contextualização, se baseada nos tempos bíblicos se na atualidade.

    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Segundo este jesuíta , o texto deve ser contextualizado no tempo em que foi escrito pois foi um enorme avanço no respeito pela Mulher. Sinceramente, não consigo perceber como. E relativamente aos nossos dias , é completamente descabido, pois qualquer talibã não o desdenharia. Lamentável é que mulheres completamente endoutrinadas o leiam e aceitem.

      Também considero que não deve ser alterado, deve , isso, sim, ser substituído!!

      Abraço

      Eliminar
  3. Há nessa conversa um equívoco insanável.
    Um animalzinho de estimação enroscado aos pés dava-lhe jeito?
    Dias felizes, São. Sem mentes tortuosas por perto.
    Bj.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro que isso seria a concretização do ideal machista de uma Igreja completamente retrógrada.

      Tem razão, são mentes tortuosas. Infelizmente conseguem que muitas mulheres se alienem e sigam caninamente quem as avilta.

      Grato abraço, Agostinho.

      Eliminar
  4. Tudo questões delicadas, que quanto mais se aprofundam mais problemas levantam.
    Abraço amigo.
    Juvenal Nunes

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. São, sim, questões delicadas, mas o respeito devido à Mulher é cristalino e deveria ser vivido em todo o planeta .... e, infelizmente, estamos muito longe disso : é um facto!

      Abraço com estima

      Eliminar
  5. Dá para compreender no tempo de Paulo em que aí seria sim um avanço no respeito pela mulher. Mas caramba os homens devem ser realmente muito burros se 2000 anos não bastaram para evoluírem, e pensarem de maneira diferente.
    Abraço e saúde

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não consigo perceber como é que , mesmo no tempo de Paulo, a submissão total da mulher ao marido foi uma melhor maneira de a respeitar...

      Actualmente os talibãs gostariam deste texto .O que não é a melhor recomendação, verdade seja dita.

      Abraço, tudo de bom

      Eliminar
  6. Curioso que as pessoas aceitam o Corão e consideram a chegada dos migrantes como cultura. O que fazer agora que eles trazem 4 mulheres? Oficializa uma ou as 4?

    Depois atacam a Igreja Católica ignorando que os Católicos seguem a Mensagem de Cristo. O Antiga Testamento pertence às outras Igrejas que se dizem Cristãs. Aceitam Cristo mas Deus é o Todo Poderoso

    Sei que é difícil ser Cristão Católico porque para acatar os dois Mandamentos de Cristo não é fácil :)

    Boa semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aceito o Corão como aceito qualquer outro livro dito sagrado, até porque não sigo nenhum, e respeito as culturas existentes no planeta - embora discorde de algumas.

      Seria bom que especificasse os dois mandamentos para eu ter a certeza de que falamos dos mesmos, sendo um : "Amarás o teu próximo como a ti mesmo."

      Quando frequentei no Liceu , de modo obrigatório, as aulas de Religião e Moral, foi-me ensinado que a Bíblia no seu todo (Antigo e Novo Testamento) era a base do cristianismo e, consequentemente, aceite por todas as Igrejas que se intitulam cristãs.

      Bom Setembro...

      Eliminar
  7. Por estas e por outras, é que eu sou "alérgico" a religiões. A esmagadora delas, descriminam a mulher, tratando-a como ser inferior, vivem aínda na idade da pedra. Que me desculpem os crentes, mas esta é a realidade.

    Continuação de ótima semana, amiga São.
    Beijinhos!

    Mário Margaride

    http://poesiaaquiesta.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu sou crente, não sou é seguidora de nenhuma religião e estou totalmente de acordo com as tuas palavras!

      Abraço e Setembro feliz !

      Eliminar
  8. Yo creo en dios y no en la religiones. Ya que estas muchas veces solo quieren mantenerse en poder. La frase que has puesto te hace meditar. te mando un beso

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Exactamente!

      Como afirmou um intelectual francês : creio no Deus que criou os homens, não no deus que os homens criaram!

      Te abraço

      Eliminar
  9. Otros tiempos.
    Feliz septiembre, querida amiga.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lamentável é que, em nome de uma divindade que inventaram, os queiram imutáveis e não respeitem a Mulher!

      Grato abraço, querido Pedro, um feliz Setembro também para ti.

      Eliminar
  10. Por esta e por outras opiniões similares, é que cada vez mais pessoas se afastam da religião.
    Nunca hei-de perceber porque as religiões não evoluem, será porque são os homens que as dominam ?

    Um beijinho amiga São, feliz Setembro!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Penso que será mesmo esse domínio masculino que impede o arejamento religioso, mas existem muitas mulheres totalmente alienadas que apoiam quem as humilha e empurra para um lugar de servidão, infelizmente...

      Grato abraço, amiga, para si também :)

      Eliminar
  11. O padre... devia sair mais vezes... para conhecer o mundo lá fora! Anda muito fora da realidade, quer-me parecer!...
    E numa outra vida, quem sabe... talvez nasça de um tubo de ensaio e seja criado por dois homens... que certamente lhe proporcionarão um ambiente bem mais feminino!
    Sacerdócio feminino?... Onde existe?... Em que papéis de relevo, na hierarquia cristã, pelo menos?...
    Beijinhos
    Ana

    ResponderEliminar
  12. A hipocrisia reina no catolicismo.

    Uma das razões invocadas para recusarem o sacerdócio feminino é a de Jesus só ter escolhido homens. Não é verdade, mas se fosse então só pescadores e judeus o poderiam ser, se quisessem manter a coerência.

    NUnca aceitei que criaturas sem experiência de serem pais nem maridos se arroguem o direito de dirigir a vida de quem quer que seja !!

    Beijinho, boa quinta-feira, Ana!

    ResponderEliminar

Grata pela vinda!

Não saia sem comentar: a sua opinião importa
(-me).

E volte, em paz...

CITAÇÃO : SAKYA TRICHEN (2016)

  " O inimigo não está no exterior, ele existe no interior da nossa própria mente. As nossas emoções negativas são os nossos piores ini...