terça-feira, 13 de outubro de 2020

EXTINÇÃO DOS TEMPLÁRIOS : 13/10/1307

 






A Ordem dos Templários foi extinta por ordem de Filipe , o Belo, rei de França em conivência com o Papa , também francês. 

13 de Outubro  de 1307 calhou a uma sexta-feira e daí  vem a superstição relativa a ser data pouco favorável. Efectivamente, para os cavaleiros da Ordem foi o início de um período de sofrimentos e fuga.

Jacques de Molay, o derradeiro Grão-Mestre, foi queimado vivo defronte de Notre Dame de Paris. Não sem antes ter lançado o seu manto sobre quem assistia ao martírio e só depois de ter convocado solenemente o rei e o Papa para o julgamento de Deus antes do final desse ano, o que veio mesmo a suceder.

Em Portugal, D.Dinis não aceitou a ordem de extinção e transformou a Ordem em desgraça na Ordem de Cristo , tornando assim  Tomar a cidade mais templária de Portugal.

16 comentários:

  1. Fotos fascinantes. Lindíssimas mesmo.
    .
    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  2. Respostas
    1. Uma acção feita no maior sigilo e que apanhou os Templários perfeitamente desprevenidos.

      Eliminar
  3. En nombre de la religión se han hecho barbaridades.

    Besos.

    ResponderEliminar
  4. Os Templários continuam presentes em Tomar!

    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sem dúvida!

      No fim de semana passado , encontrei e falei nas termas do Gerês com um casal que tinha estado no dia anterior no convento de CRisto e a senhora tinha na mão um livro sobre os Templários.

      Beijinhos

      Eliminar
  5. O Convento de Tomar é uma verdadeira joia que os Templários nos deixaram.
    Um abraço e continuação de uma boa semana.

    Andarilhar
    Dedais de Francisco e Idalisa
    O prazer dos livros

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo: a charola, onde entravam a cavalo, é duma enorme beleza!

      Bom resto de semana, abraço.

      Eliminar
  6. A política e a religião... sempre de braços dados ao longo da história... para dividir o mundo... voltando-o contra si mesmo...
    Belíssimas imagens, e belíssima forma de lembrar facto tão marcante, neste dia...
    Beijinhos
    Ana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A Igreja esteve sempre apoiando os poderosos , infelizmente.

      Não podemos esquecer as divisões e as infâmias que tem cometido ao lonho de séculos. Só não entendo com ainda tantas pessoas a seguem.


      Tudo de bom, beijos.

      Eliminar

Grata pela vinda!

Não saia sem comentar: a sua opinião importa
(-me).

E volte, em paz...